Diferenças entre edições de "Língua neoaramaica assíria"

24 bytes removidos ,  21h09min de 13 de outubro de 2017
m
ajustes usando script
m (ajustes usando script)
 
{{sem interwiki}}
{{Info língua
|nome= Neo Aramaico Assírio
}}
 
A língua '''Neo-Aramaica Assíria''' (ou ''Aššuri, Assuri, Ashuri, Aturi, Assyriano, Aisorski, Assyrianci, Assyriski, Lishana Aturaya, Neo-Siríaco, Sooreth, Suret, Sureth,'' ''Suryaya Swadaya'') é um [[dialeto]] da língua Neo [[língua aramaica|Aramaica]] falado por cerca de 220 mil pessoas (1994 conf. Estimativa [[SIL]], antigamente numa área próxima ao lago de [[Urmia]] no noroeste do [[Irão]], norte do [[Iraque]], nordeste da [[Síria]] e [[Siirt]] (sudoeste da [[Turquia]]), porém, hoje mais dispersa na diáspora Assíria-Caldeia-Siríaca pelo mundo.
 
== História ==
 
==Escrita==
O Neo-aramaico assírio é escrito numa versão da escrita Siríaca, ''Madenhaya'', que também é usada para a [[língua siríaca]] clássica. Nps anps 1930, seguindo os estatutos das línguas minoritárias da [[União Soviética]], uma [[alfabeto latino]] modificado para a língua foi desenvolvido e algo foi publicado. Porém, não chegou a substituir a escrita Siríaca.
 
==Divisiões==
O Neo-aramaico do Nordeste é um continuum dialetal devido à grande inteligibilidade mútua entre os dialetos e ao alto nível de exposição com os não standards aos dialetos Urmiano Geral e Koine Iraquiano.
===Urmiano===
O dialeto de [[Úrmia]] se tornou aquele de maior prestígio da língua Neo-aramaica Assíria depois de 1836, quando foi escolhido [[missionário]] americano [[Justin Perkins]] da [[Igreja Presbiteriana]] para criação da língua padrão literário assírio. Em 1852, a tradução de Perkins para a [[Bíblia]] em Urmiano Geral foi publicada pela “American Bible Society” com texto paralelo em Siríaco Clássico “Peshitta”.
 
Durante a [[Primeira Grande Guerra]], muitos assírios que viviam na [[Turquia]] [[otomanos|Otomana]] foram forçados a sair de suas casas e muitos de seus descendentes vivem hoje no [[Iraque]]. Essa separação forçada fez com que surgisse um novo dialeto, o ''Koine Iraquiano'', o qual é uma mistura dos dialetos de Ashiret como o Urminano Geral. O Koine Iraquiano não constitui realmente um novo dialeto, mas uma mistura incompleta de dialetos. . Elementos originais dos dialetos Ashiret podem ser observados no Koine, especialmente entre falantes mais idosos..
** Tal
** Lewin
Os grupos Central e Oeste são geralmente classificados juntos como dialetos ''Ashiret''. Esses, em especial o Oeste , têm muito mais em comum . com a [[língua neo-aramaica caldeia]] do que com o Urmiano Geral.
Os [[dialeto]]s Ashiret geralmente se caracterizam pela presença das [[consoante fricativa|fricativas]] ''θ'' (''th'') e ''ð'' (''dh''), onde outros dialetos as têm como [[consoante oclusiva|oclusivas]] (''t'' e ''d'') ou, no caso do grupo Norte, muita vendo não as pronunciando.
 
|-
| Estudantes
| Eskoolayeh
|-
| Sentar
|-
| Fome
| Kipna
|-
| Pai
|-
| Vir
| Ta
|-
| Correr