Diferenças entre edições de "Discografia de Rihanna"

147 bytes adicionados ,  14h17min de 17 de outubro de 2017
sem resumo de edição
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
|Ref link = Referências
}}
A '''[[discografia]] de [[Rihanna]]''', cantora e compositora de [[Barbados]], consiste em oito [[álbuns de estúdio]], dois de remisturas e três compilações, sendo que uma constitui uma caixa para colecionadores, compilando os seus três primeiros discos de carreira. Lançou também cinquenta e sete ''[[single]]s'' (incluindo dois promocionais, doze como artista convidada e três de caridade). As suas vendas discográficas são avaliadas em mais de 30 milhões de discos e 210 milhões de downloads digitais mundialmente.<ref>{{citar web|língua3=en|autor=Adelle Platon|url=http://www.billboard.com/biz/articles/6859180/rihanna-celebrates-a-million-anti-downloads-on-twitter|título=Rihanna Celebrates a Million 'Anti' Downloads on Twitter|data=28 de janeiro de 2016|publicado=''[[Billboard]]''|acessodata=1 de fevereiro de 2016}}</ref> Em 2011, foi considerada pela ''[[Billboard]]'' a artista de todos os tempos que mais vendeufoi aalvo nívelde download [[Descarga digital|digital]] na década de 2000.<ref>{{citar web|língua2=en|título=You Da One! Rihanna named best-selling digital download artist of ALL TIME|autor=Ann Pride|url=http://www.dailymail.co.uk/tvshowbiz/article-2083910/Rihanna-named-best-selling-digital-download-artist-ALL-TIME.html|publicado=[[Daily Mail]]|data=8 de Janeiro de 2012|acessodata=21 de Junho de 2010}}</ref><ref>{{citar web|língua2=en|título=The Nielsen Company & Billboard’s 2011 Music Industry Report|url=http://www.businesswire.com/news/home/20120105005547/en/Nielsen-Company-Billboard%E2%80%99s-2011-Music-Industry-Report|publicado=[[Business Wire]]|trabalho=[[Nielsen Company]]|data=5 de Janeiro de 2012|acessodata=23 de Janeiro de 2012}}</ref> Rihanna conseguiu colocar catorze dos seus trabalhos na liderança da ''[[Billboard Hot 100|Hot 100]]'', tornando-se apenas a sétima artista a conseguir tal feito em 53 anos de história de existência da tabela e é a segunda artista feminina a ter mais números #1 nesta tabela, só perde para a cantora/compositora [[Mariah Carey]] que possui dezoito.<ref>{{citar web|língua2=en|título=Rihanna's 'Diamonds' Shines Atop Hot 100|url=http://www.billboard.com/articles/news/474056/rihannas-diamonds-shines-atop-hot-100|publicado=[[Billboard]]|data=21 de Novembro de 2012|autor=Gary Trust|acessodata=21 de Novembro de 2012}}</ref>
 
A sua primeira aparência nas tabelas musicais mundiais em 2005 com "[[Pon de Replay]]", depois de assinar contrato com a editora discográfica [[Def Jam Recordings]]. O seu álbum de estreia, ''[[Music of the Sun]]'', mistura os géneros caribenhos distintos de dancehall com reggae.<ref>{{citar web|língua2=pt |url= http://www.territoriodamusica.com/resenhas/?c=924 |título= Music Of The Sun |publicado= [[Terra Networks|Território da Música]] |acessodata= 2 de Março de 2009}}</ref> O seu segundo álbum, ''[[A Girl like Me (álbum de Rihanna)|A Girl like Me]]'', tem um estilo tropical, mas contém também estilos [[Cidade|urbano]]s e [[Música pop|pop]].<ref>{{citar web |língua2=en|url= http://www.allmusic.com/album/a-girl-like-me-mw0000348566 |título= A Girl Like Me |publicado= [[AllMusic]] |acessodata=2 de Março de 2009}}</ref> "[[Roll It Gal#Versão de J-Status|Roll It]]" marcaria a sua primeira aparência como artista convidada, antes do lançamento do seu terceiro álbum de estúdio, ''[[Good Girl Gone Bad]]'' em 2007. O disco transmitiu um som mais urbano, com influências R&B e dance.<ref>{{citar web|língua2=en |url= http://www.allmusic.com/album/good-girl-gone-bad-mw0000573185 |título= Good Girl Gone Bad |publicado= [[AllMusic]] |acessodata= 2 de Março de 2009}}</ref> A juntar aos ''singles'' originais "[[Umbrella]]", "[[Shut Up and Drive]]", "[[Don't Stop the Music]]" e "[[Hate That I Love You]]", o relançamento intitulado ''[[Good Girl Gone Bad#Reloaded|Good Girl Gone Bad: Reloaded]]'' culminou na divulgação de "[[Take a Bow (canção de Rihanna)|Take A Bow]]", "[[If I Never See Your Face Again]]", "[[Disturbia]]" e "[[Rehab (canção de Rihanna)|Rehab]]" como faixas de trabalho. Entretanto, a cantora já tinha participado em projectos com [[T.I.]] e em "[[Just Stand Up!]], o seu primeiro ''single'' de caridade.
Utilizador anónimo