Diferenças entre edições de "Trilha das Lágrimas"

7 bytes removidos ,  02h14min de 24 de outubro de 2017
m
Foram revertidas as edições de 189.90.145.1 para a última revisão de Luizdl, de 01h08min de 26 de julho de 2017 (UTC)
(nn é os nativos. fonte livro de historiaa boulus)
m (Foram revertidas as edições de 189.90.145.1 para a última revisão de Luizdl, de 01h08min de 26 de julho de 2017 (UTC))
|arquivourl= http://web.archive.org/web/20080604005108/http://www.tc.umn.edu/~mboucher/mikebouchweb/choctaw/trtears.htm |arquivodata= 04-06--2008}}
</ref> [[Ficheiro:Trails of Tears en.png|thumb|600px|As rotas das tribos Choctaw, Seminole, Muscogee/Creeks, Chickasaw e Cherokee nas remoções no sudeste americano (Legendas em Inglês)]]
Os luan gameplaysnativos sofreram muito com as remoções e vários morreram durante as viagens e acampamentos forçados: estima-se que, da tribo Cherokee, de uma população de 15.000 vieram a falecer cerca de 4.000 índios.<ref name="books.google.com">http://books.google.com/books?id=Rk7NPRm_nB0C&pg=PA543&lpg=PA543&dq=african+american+slaves+trail+of+tears&source=web&ots=pru7VDnMir&sig=FH0QQpG0GtW3oCQ1kM6uCV5MTOg&hl=en&sa=X&oi=book_result&resnum=2&ct=result#PPA543,M1</ref>
 
Centenas de escravos e afro-americanos libertos que viviam com os índios, acompanharam-nos nas remoções pela Trilha.<ref name="books.google.com"/>