Diferenças entre edições de "Tito Quíncio Flaminino (cônsul em 123 a.C.)"

m
rm link para a própria página, outros ajustes usando script
m (rm link para a própria página, outros ajustes usando script)
 
== Influência ==
[[Cícero]], que o ouviu durante sua juventude, afirmou que Quíncio era analfabeto, mas falava um [[latim]] de grande elegância. Durante seu mandato foi fundada a [[colônia romana|colônia]] de [[Cartago Nova]], apesar de [[Lívio]] e [[Plutarco]] situarem esta fundação no ano seguinte, no segundo mandato como [[tribuno da plebe]] de [[Caio Graco]].<ref>[[Cícero]], ''Brut.'' 28, 74; ''Pro Dom.'' 53; [[Eutrópio (historiador)|Eutrópio]] IV 20; [[Paulo Orósio]] V 12.</ref>.
 
== Ver também ==
|ant1=[[Caio Cássio Longino (cônsul em 124 a.C.)|Caio Cássio Longino]]
|ant2=[[Caio Sêxtio Calvino (cônsul em 124 a.C.)|Caio Sêxtio Calvino]]
|con1=[['''Tito Quíncio Flaminino (cônsul em 123 a.C.)|Tito Quíncio Flaminino]]'''
|con2=[[Quinto Cecílio Metelo Baleárico]]
|ano=123 a.C.