Diferenças entre edições de "Devir Livraria"

496 bytes adicionados ,  19h04min de 26 de outubro de 2017
sem resumo de edição
m (ajustes usando script)
{{mais fontes|data=outubro de 2017}}
A '''Devir''' é uma editora [[brasil]]eira de [[história em quadrinhos]], livros de [[RPG (jogo)|RPG]] e baralhos de [[card game]]s. Ela foi fundada em [[1987]] em [[São Paulo (cidade)|São Paulo]]<ref>[http://hqmaniacs.uol.com.br/Devir_Livraria_lanca_nova_edicao_de_Sin_City_36070.html Devir Livraria lança nova edição de Sin City]</ref> por Douglas Quinta Reis, Mauro Martinez dos Prazeres e Walder Mitsiharu Yano<ref>[http://www.universohq.com/noticias/faleceu-douglas-quinta-reis-um-dos-fundadores-da-devir/ Faleceu Douglas Quinta Reis, um dos fundadores da Devir]</ref> como uma importadora e distribuidora de títulos de quadrinhos e [[RPG (jogo)|RPGs]] [[Estados Unidos|norte-americanos]] e [[Europa|europeus]], criando um sistema de reservas inovador. Esse sistema era similar ao de assinatura de revistas, mas permite ao leitor selecionar melhor os títulos que deseja. Em [[1996]] a Devir passou a atuar no mercado de [[Portugal]], em [[2000]] na [[Espanha]], e a partir de [[2004]] em toda a [[América Latina]]. Em [[2006]] abriu a Devir [[Chile]].
 
Distribui e promove o [[jogo de cartas colecionáveis]] [[Magic: The Gathering]] em [[língua portuguesa]], desde 1995 e em [[língua espanhola]] desde 2000.
 
A Devir também já teve no seu catálogo histórias em quadrinhos de autores brasileiros como [[Laerte]], [[Angeli]], [[Adão Iturrusgarai]] e [[Lourenço Mutarelli]]. No mercado de RPG, a Devir era até 2010 representante de três das maiores editoras norte-americanas: a [[Steve Jackson Games]] ([[GURPS]]), [[White Wolf]] ([[Vampiro, A Máscara|Vampiro]], [[Lobisomem, o Apocalipse|Lobisomem]], [[Mago, A Ascensão|Mago]]) e [[Wizards of the Coast]] ([[Dungeons & Dragons]], [[Magic the gathering|Magic the Gathering]]).
 
 
No Brasil, sua [[gibiteria]] chamava-se Terramédia e se localizava no bairro [[Cambuci (bairro de São Paulo)]] na [[Cidade de São Paulo]], em 2017, a loja física foi vendida a Luis Mauro Gonçalves, ex-funcionário da Devir, que fundou a Omniverse, apesar disso, a Devir continuou usando o nome Terramédia em um site de vendas.<ref>[http://www.universohq.com/noticias/loja-terramedia-e-vendida-e-passa-se-chamar-omniverse/ Loja Terramédia é vendida e passa a se chamar Omniverse]</ref>
 
== Ver também ==
112 715

edições