Diferenças entre edições de "Ceticismo filosófico"

22 bytes removidos ,  20h27min de 5 de novembro de 2017
m
Desfeita(s) uma ou mais edições de 138.0.98.24 (se fala escola de pensamento e não colégio de pensamento), com Reversão e avisos
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 138.0.98.24 (se fala escola de pensamento e não colégio de pensamento), com Reversão e avisos)
'''Ceticismo filosófico''' ({{lang-gr|σκέψις - ''skepsis''}}, {{lang-pt|"investigação"}}) é tanto umuma [[escola de pensamento|colégio de pensamento]] [[Filosofia|filosófico]] quanto um método que atravessa disciplinas e culturas. Muitos céticos examinam criticamente os sistemas de significado de sua época e este exame muitas vezes resulta em uma posição de ambiguidade ou dúvida.<ref group="ref." name="Farlex"/> Na Antiguidade, o ceticismo filosófico é a designação das doutrinas criadas pelos filósofos gregos [[Pirro de Élis]] (século III a. C.) ( ceticismo pirrônico ou [[pirronismo]]) e [[Carnéades de Cirene]] (século II a. C.) (ceticismo acadêmico). E posteriormente desenvolvidas por alguns nomes principais, como [[Enesidemo]] (século I a. C.), [[Clitomáco]] (século I a. C) e [[Sexto Empírico]] (século I a. C.). A [[doutrina]] é caracterizada principalmente pela adoção do princípio da antilogia,{{Nota de rodapé|Oposição entre argumentos equipolentes que forme uma contradição aparente de idéias, resumida na fórmula geral: a todo argumento se opõe outro de igual força.}} que, no plano moral, conduzia à epoké,{{Nota de rodapé|Suspensão do juízo.}} seguida da ataraxia.{{Nota de rodapé|Estado de completa ausência de perturbações ou inquietações da mente alcançado pela suspensão do juízo.}}<ref group="ref." name="Dic_Aur"/><ref group="ref." name="Empírico"/>
 
O ceticismo filosófico, tanto o pirrônico.{{Nota de rodapé|O pirrônico é aquele que nada afirma sobre a verdade, mas continua a busca-la e investiga-la [ceticismo pirrônico].}} quanto o acadêmico,{{Nota de rodapé|O acadêmico é aquele que considera a verdade inaccessível [ceticismo acadêmico].}} realizam um exame crítico dos sistemas dogmáticos.{{Nota de rodapé|O dogmático é aquele que afirma ter descoberto a verdade [filosofia dogmática].}}<ref group="ref." name="Empírico"/>
6 516

edições