Diferenças entre edições de "Sistema Solar"

6 bytes removidos ,  14h50min de 8 de novembro de 2017
m
Desfeita(s) uma ou mais edições de 2804:14d:5484:82a0:91c6:1a29:89ff:fad0, com Reversão e avisos
(→‎Protoestrela: O começo)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 2804:14d:5484:82a0:91c6:1a29:89ff:fad0, com Reversão e avisos)
O Sistema Solar, de acordo com a teoria mais aceita hoje em dia, teve origem a partir de uma [[nuvem molecular]] que, por alguma perturbação gravitacional, entrou em colapso e formou a estrela central, enquanto seus remanescentes geraram os demais corpos. Em sua configuração atual, todos os componentes descrevem órbitas praticamente [[elipse|elípticas]] ao redor do Sol, constituindo um sistema dinâmico onde os corpos estão em mútua interação mediada sobretudo pela força gravitacional. A sua estrutura tem sido objeto de estudos desde a [[Idade Antiga|antiguidade]], mas somente há cinco séculos a humanidade reconheceu o fato de que o Sol, e não a Terra, constitui o centro do movimento planetário. Desde então, a evolução dos equipamentos de pesquisa, como [[telescópio]]s, possibilitou uma maior compreensão do sistema. Entretanto, detalhes sem precedentes foram obtidos somente após o envio de [[Sonda espacial|sondas espaciais]] a todos os planetas, que retornam imagens e dados com uma precisão nunca antes alcançada.
 
<>== SistemaFormação Solar==<>
{{AP|Formação e evolução do Sistema Solar}}
As teorias que buscam explicar como ocorreu a [[Formação e evolução do Sistema Solar|formação do Sistema Solar]] começaram a surgir no {{séc|XVI|x}}, a partir da observação mais acurada do movimento dos corpos. Ao longo do tempo, algumas dessas hipóteses foram ganhando importância. [[René Descartes|Descartes]], por exemplo, sugeriu que o Sol e os planetas surgiram a partir de um vórtice existente no universo primordial. A teoria da captura dos [[protoplaneta]]s, por seu lado, sugere que estes corpos coalesceram de uma nuvem molecular e, posteriormente, foram capturados pela gravidade do recém-formado Sol, juntaram-se e formaram os planetas. Uma variante deste conceito propõe que os protoplanetas foram capturados pelo Sol a uma estrela de baixa densidade que passou nas proximidades.<ref name="origem" />