Abrir menu principal

Alterações

1 591 bytes removidos ,  11h11min de 16 de novembro de 2017
m
Foram revertidas as edições de 777Yhwh787 para a última revisão de 189.113.54.158, de 23h31min de 5 de setembro de 2017 (UTC)
 
A palavra Trindade não está contida na [[Escrituras Sagradas|escritura]],<ref>{{citar web|url=http://carm.org/christianity/christian-doctrine/word-trinity-not-bible|título=The word Trinity is not found in the Bible - Trinity word not in Scripture|primeiro =|último =b777|data=24 de novembro de 2008|website=carm.org}}</ref> nem há uma doutrina expressamente formulada da Trindade. Pelo contrário, de acordo com a teologia cristã, as escrituras "testemunham" a atividade de um Deus que pode ser entendido apenas em termos trinitários.<ref name="chr-theol-intro1">McGrath Alister E. ''Christian Theology: An Introduction'' Blackwell, Oxford (2001) p.321. {{en}}</ref> A doutrina não atingiu sua forma definitiva até o final do quarto século.<ref name="chr-theol-intro2">McGrath, Alister E. ''Christian Theology: An Introduction'' Blackwell, Oxford (2001) p.324. {{en}}</ref> Durante o período várias soluções tentativas foram propostas, algumas mais e outras menos satisfatórias.<ref name="early-doctrines">Kelly, J.N.D. ''Early Christian Doctrines'' A & G Black (1965) p. 88. {{en}}</ref> O Trinitarianismo contrasta com as posições [[Antitrinitarismo|antitrinitárias]], que incluem o [[Binitarismo|binitarianismo]] (uma deidade em duas pessoas, ou duas deidades), com o [[unitarismo]] (uma deidade em uma pessoa, análogo à interpretação [[Judaísmo|Judia]] da ''[[Shemá Israel|Shema]]'' e à crença [[Islão|muçulmana]] no ''[[Tawhid]]'') e com o [[pentecostalismo]] unitarista ou [[sabelianismo]] (uma deidade manifestada em três aspectos separados).<ref name="oxfdhdbk">{{citar livro|título=The Oxford Handbook of the Trinity|editor-sobrenome1 =Emery|editor-nome1 =Gilles, O.P.|editor-sobrenome2 =Levering|editor-nome2 =Matthew|isbn=978-0199557813|ano=2012|língua=inglês}}</ref><ref name="holmes">{{citar livro |título=The Quest for the Trinity: The Doctrine of God in Scripture, History and Modernity|último =Holmes|primeiro =Stephen R.|isbn=9780830839865|ano=2012|língua=inglês}}</ref><ref name="historia">{{citation |último = Tuggy |primeiro = Dale |título= Trinity (History of Trinitarian Doctrines) |url= http://plato.stanford.edu/entries/trinity/trinity-history.html |obra= [[Stanford Encyclopedia of Philosophy]] |data=verão de 2014|língua=inglês}}</ref>
 
 
 
A Santíssima Trindade
 
As Escrituras Sagradas ensinam que Deus é Um (Isaías 45), e que além Dele não existe outro Deus ou deus menor. Contudo a unidade divina é composta por três Pessoas: O Pai, o Filho e o Espírito Santo (Mateus. 3:16-17). Contudo, muitos apostatas e falsos profetas com o espírito de anticristo insistem em dizer que nós, Trinitarianos, pregamos que as Pessoas divinas são três deuses tão íntimos que se autodenominam um só Deus. Mas não trata-se disso.
Imagine agora um rato por exemplo. Mas com três cabeças. É apenas UM rato (mesmo corpo, mesmas ações e mesma vontade) mas três mentes neles, sendo três indivíduos num só ser vivo - o rato.
Assim é Deus, no Velho e no Novo Testamento (Salmo 2, falando do Filho de Deus e Colossenses 2:8-10, também falando do Filho e também Atos 10:19,20).
Mas como a Trindade formou-Se. De acordo com a Bíblia, no "princípio" as Pessoas divinas não existiam umas com as outras mas sim uma dentro da outra; Filho e Espírito Santo dentro do Pai, que é Jeová. Veja que as Escrituras explicam que o Pai é eterno: não tem final, nem sequer princípio (nunca foi criado nem gerado - Êxodo 3:13 e João 8:58). O Filho, no entanto, foi gerado de modo eterno pelo Pai (João 1:18). O Espírito Santo, finalmente, também não tem criação nem foi gerado, mas deriva do Pai e do Filho, segundo a vertente Bíblica (1 João 5:8). Os três seres compõem a Trindade.
As três Pessoas são co-eternas e co-existentes umas com as outras, perfazendo o Deus eterno aque nós servimos.
 
== Fundamentos bíblicos ==
61 649

edições