Diferenças entre edições de "Partido Reformista (Monarquia)"

235 bytes adicionados ,  01h00min de 20 de novembro de 2017
Um apelido mal dado corrigido (com fonte).
(Bernardo de Sá Nogueira e o Marquês de Sá da Bandeira são a mesma pessoa. "Duplicação" corrigida.)
(Um apelido mal dado corrigido (com fonte).)
O '''Partido Reformista''', que começa por receber o vago nome de "'''partido popular'''"<ref>[http://maltez.info/respublica/topicos/aaletrap/partido_reformista.htm Partido Reformista, 1867, José Adelino Maltez, Respublica, Repertório Português de Ciência Política, Edição electrónica 2004]</ref>, foi um [[Lista de partidos políticos de Portugal|partido político]] [[Portugal|português]] do tempo da [[Monarquia constitucional (Portugal)|Monarquia Constitucional]], fundado oficialmente no verão de [[1870]], resultante de divisões existentes no [[Partido Histórico]] desde pelo menos [[1862]] e agravadas em [[1868]] na sequência da [[Janeirinha]]. Constitui uma cisão do [[Partido Histórico]] com cujo dirigente, o [[Duque de Loulé]], entraram em ruptura entre outros o [[Marquês de Sá da Bandeira]] ([[Bernardo de Sá Nogueira de Figueiredo]]).
 
Muitos dos "reformistas" são apoiantes do movimento da [[Janeirinha]] e são mobilizados pelo governo de [[António José de Ávila]], de 4 de Janeiro a 22 de Julho de [[1868]], por onde passam [[António Luís de Seabra]], [[José Dias Ferreira]], [[José Maria Rodrigues Magalhães]], [[José Rodrigues Coelho do Amaral]] e [[Sebastião do Canto e Castro MagalhãesMascarenhas]]<ref>[http://www.iscsp.ulisboa.pt/~cepp/governos_portugueses/fusao/avila_1868.htm Governo de Ávila], entro de Estudos do Pensamento Político, ISCSP - Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, Universidade de Lisboa</ref>. Mas é com o governo de Sá da Bandeira, a partir de 22 de Julho de 1868 até 11 de Agosto de 1869, que surge o reformismo propriamente dito, dizendo querer fazer reformas e economias<ref>[http://maltez.info/respublica/topicos/aaletrap/partido_reformista.htm Partido Reformista, 1867, José Adelino Maltez, Respublica, Repertório Português de Ciência Política, Edição electrónica 2004]</ref>.
 
Encontra-mo-lo, ao partido, nessa altura até [[1869]], a ser dirigido por um dos seus fundadores<ref>[http://maltez.info/respublica/topicos/aaletrap/partido_reformista.htm Partido Reformista, 1867, José Adelino Maltez, Respublica, Repertório Português de Ciência Política, Edição electrónica 2004]</ref>, o [[bispo de Viseu]], o [[liberal]] e [[jornalista]] D. [[António Alves Martins]]. Este foi eleito deputado pela primeira vez em 1870<ref>[http://www.infopedia.pt/$d.-antonio-alves-martins D. António Alves Martins, Infopédia (em linha), Porto: Porto Editora, 2003-2014. (Consult. 2014-03-31).]</ref>
Utilizador anónimo