Diferenças entre edições de "Colisão elástica"

1 068 bytes adicionados ,  16h21min de 4 de dezembro de 2017
Adição de informações para resolução de problemas
(Correções ortográficas)
(Adição de informações para resolução de problemas)
 
Uma colisão elástica é um encontro entre dois corpos em que a [[energia cinética]] total dos dois corpos após o encontro é igual a sua energia cinética total antes do encontro. Colisões perfeitamente elásticas ocorrem apenas se não houver conversão de energia cinética em outras formas (como [[calor]] ou ruído) e, portanto, elas não são parte das nossas experiências cotidianas.<ref>{{citar livro|título=A theoretical analysis of billard ball dynamics under cushion impacts.|ultimo=Mathavan|primeiro=S.|editora=Journal of Mechanical Engineering Science|ano=2010|local=|página=1863 - 1873|páginas=|acessodata=}}</ref> Algumas colisões entre átomos em gases são exemplos de colisões perfeitamente elásticas. Entretanto, existem alguns exemplos de colisões em mecânica onde a energia perdida pode ser insignificante. Estas colisões podem ser consideradas elásticas, mesmo que elas não sejam perfeitamente elásticas. Colisões de bolas de bilhar rígida ou as bolas num [[pêndulo de Newton]] são dois exemplos disso.<ref>{{citar livro|título=Coefficient of restitution of sports balls: A normal drop test in 'lOP Conference Series: Materials Science and Engineering|ultimo=Haron|primeiro=A.|editora=|ano=|edicao=1|volume=36|local=|páginas=|acessodata=}}</ref>
 
== Resolução de problemas de colisão elástica ==
Em geral, na resolução de um problema de choque completamente elástico, começamos a partir da conservação do [[momento linear]] e da [[energia cinética]] antes e depois do impacto.
* O momento linear do sistema é preservado pela definição de colisão elástica: durante um choque, é possível considerar o sistema isolado por causa das [[Força conservativa|forças conservativas]] que os objetos interagentes trocam, e portanto, é possível ignorar as demais forças envolvidas (exemplo: [[força gravitacional]]).
* Ainda, pela definição de colisão elástica, a energia mecânica total deve ser conservada. No entanto, considerando que o sistema está isolado durante o impacto, os potenciais das forças externas são ignorados e apenas a energia cinética dos corpos permanece.<ref>{{citar web|url=http://www.fotonica.ifsc.usp.br/ebook/book3/Capitulo7.pdf|titulo=Mecânica, calor e ondas|data=|acessodata=05/12/2017|publicado=|ultimo=Bagnato|primeiro=V. S.|ultimo2=Zilio|primeiro2=S. C.}}</ref>
 
== Fórmulas ==
14

edições