Diferenças entre edições de "Desigualdade social"

149 bytes removidos ,  13h34min de 7 de dezembro de 2017
m
Foram revertidas as edições de 177.126.222.141 para a última revisão de Chronus, de 20h06min de 6 de dezembro de 2017 (UTC)
m (Foram revertidas as edições de 177.126.222.141 para a última revisão de Chronus, de 20h06min de 6 de dezembro de 2017 (UTC))
===Desigualdade racial===
{{Main|Racismo}}
A desigualdade racial é o resultado de distinções sociais hierárquicas entre grupos étnicos dentro de uma sociedade e, muitas vezes estabelecida com base em características como a cor da pele e outras características físicas ou origem e cultura de um indivíduo. O tratamento desigual e de oportunidades entre os grupos raciais é geralmente o resultado de alguns grupos étnicos, considerados superior a outros. Esta desigualdade pode se manifestar por meio de práticas de contratação discriminatórias em locais de trabalho, em alguns casos, os empregadores têm demonstrado preferir a contratação de funcionários em potencial com base na percepção étnica dado o nome de um candidato - mesmo que todos tenham currículos apresentando qualificações idênticas.<ref>{{citar periódico|último =Rooth|primeiro =Dan-Olof|título=Implicit Discrimination in Hiring: Real World Evidence|periódico=IZA Discussion Paper|ano=2007|month=April|página=http://papers.ssrn.com/sol3/papers.cfm?abstract_id=984432}}</ref> Parte desses tipos de práticas discriminatórias resultam de [[estereótipo]]s, que é quando as pessoas fazem suposições sobre as tendências e características de determinados grupos sociais, muitas vezes incluindo grupos étnicos, normalmente enraizadas em suposições sobre a biologia, capacidades cognitivas, ou mesmo falhas morais inerentes.<ref>{{citar livro|último =Dubow|primeiro =Saul|título=Scientific Racism in Modern South Africa|ano=1995|publicado=Cambridge University Press|isbn=9780521479073|página=121}}</ref> Estas atribuições negativas são então divulgados através da sociedade através de diferentes meios, incluindo a televisão, jornais e internet, os quais desempenham papel na promoção de preconceitos de raça e assim marginalizando grupos de pessoas. Isto, juntamente com a [[xenofobia]] e outras formas de discriminação continuam a ocorrer nas sociedades com o aumento da [[globalização]].<ref>{{citar web|título=The World Conference against racism, racial discrimination, xenophobia and related intolerance|url=http://www.un.org/WCAR/e-kit/backgrounder1.htm}}</ref>
A desigualdade racial é o resultado de distinções sociais hierárquicas entre grupos étnicos dentro de uma sociedade e, muitas vezes estabelecida com base em características como a cor da pele e outras características físicas ou origem, é constante em escolas pois várias pessoas são descriminadas e acabam fazendo loucuras, isso é assunto muito sério que pode levar a cadeia...
 
e cultura de um indivíduo. O tratamento desigual e de oportunidades entre os grupos raciais é geralmente o resultado de alguns grupos étnicos, considerados superior a outros. Esta desigualdade pode se manifestar por meio de práticas de contratação discriminatórias em locais de trabalho, em alguns casos, os empregadores têm demonstrado preferir a contratação de funcionários em potencial com base na percepção étnica dado o nome de um candidato - mesmo que todos tenham currículos apresentando qualificações idênticas.<ref>{{citar periódico|último =Rooth|primeiro =Dan-Olof|título=Implicit Discrimination in Hiring: Real World Evidence|periódico=IZA Discussion Paper|ano=2007|month=April|página=http://papers.ssrn.com/sol3/papers.cfm?abstract_id=984432}}</ref> Parte desses tipos de práticas discriminatórias resultam de [[estereótipo]]s, que é quando as pessoas fazem suposições sobre as tendências e características de determinados grupos sociais, muitas vezes incluindo grupos étnicos, normalmente enraizadas em suposições sobre a biologia, capacidades cognitivas, ou mesmo falhas morais inerentes.<ref>{{citar livro|último =Dubow|primeiro =Saul|título=Scientific Racism in Modern South Africa|ano=1995|publicado=Cambridge University Press|isbn=9780521479073|página=121}}</ref> Estas atribuições negativas são então divulgados através da sociedade através de diferentes meios, incluindo a televisão, jornais e internet, os quais desempenham papel na promoção de preconceitos de raça e assim marginalizando grupos de pessoas. Isto, juntamente com a [[xenofobia]] e outras formas de discriminação continuam a ocorrer nas sociedades com o aumento da [[globalização]].<ref>{{citar web|título=The World Conference against racism, racial discrimination, xenophobia and related intolerance|url=http://www.un.org/WCAR/e-kit/backgrounder1.htm}}</ref>
 
===Desigualdade de casta===
112 910

edições