Diferenças entre edições de "Associação Atlética Cultural Copagril"

189 bytes adicionados ,  16h38min de 7 de dezembro de 2017
Alteração do texto onde fala sobre os títulos de 2013, 2014 e 2016.
m (Poucos detalhes como adicionando os novos titulos)
(Alteração do texto onde fala sobre os títulos de 2013, 2014 e 2016.)
Dando seguimento ao ano anterior, em [[2010]], a equipe tem seu ápice, chegando à final da [[Liga Futsal de 2010|Liga Futsal ]]. O sonho de ser campeã, no segundo ano de participação na competição não foi realizado. O time perdeu para a [[Malwee/Jaraguá|Malwee de Jaraguá do Sul]], jogando em [[Santa Catarina]], por 2 a 0, na segunda partida da final. O grupo comandado por Marquinhos Xavier chamou a de alguns órgãos da imprensa ao surpreender grandes nomes do futsal, como o [[Corinthians|São Caetano/Corinthians]].<ref>{{Citar web|url= http://www.copagril.com.br/web/futsal/n104.html|título=28/05 - Em duelo de gigantes, Copagril/Faville/Dalponte/MCR Futsal passa por cima do Corinthians!|publicado=copagril.com.br|data=28 de maio de 2010|língua3=pt|acessodata=19 de outubro de 2013}}</ref> No Paranaense, até mesmo pela atenção dada à Liga, à Copagril não conseguiu chegar à final.
 
O bicampeonato estadual veio em 2013 e o tricampeonato em 2016, alguns meses depois, já em 2014, a Copagril conquistou a primeira Copa dos Campeões do Paraná, competição que reúne os últimos campeões do estado.
 
Já no ano de 2016 a equipe fez uma de suas melhores temporadas, conquistando o tricampeonato estadual e ficando na terceira colocação da Liga Nacional de Futsal com a segunda melhor campanha da competição.
 
==Títulos==