Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 19h01min de 10 de dezembro de 2017
Corrigi erro.
{{ver desambig|a comuna italiana|Sagrado (Itália)}}
[[File:Jerusalem Dome of the rock BW 14.JPG|thumb|[[Jerusalém]] é uma cidade considerada sagrada por [[judaísmo|judeus]], [[cristianismo|cristãos]] e [[islamismo|muçulmanos]].]]
 
'''Sagrado''' (do termo [[latim|latino]] ''Kõchsacratu'') refere-se a algo que merece veneração ou respeito [[Religião|religioso]] por ter uma associação com uma [[divindade| Koch]] ou com objetos considerados divinos.<ref>FERREIRA, A. B. H. ''Novo dicionário da língua portuguesa''. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 1 536.</ref>
 
==Conceito de Sagrado==
O sagrado se relaciona com a santidade. [[Santidade]] é, em geral, o estado de ser santo (percebido pelos religiosos como os indivíduos associados com o divino) ou sagrados (considerados dignos de respeito e devoção espiritual, ou que inspiram temor ou reverência entre os crentes em um determinado conjunto de ideias espirituais) . Em outros contextos, os objetos são muitas vezes considerados santos 'ou' sagrados, se utilizado para fins espirituais, como o culto dos deuses ou serviço. Estes termos também podem ser usados em um contexto não- espiritual ou semi-espiritualsemiespiritual ("sagradas verdades", em uma [[constituição). Muitas vezes]], é atribuída a pessoas ("um homem santo" de profissão religiosa, "santo profeta", que é venerada por seus seguidores), objetos ("sagrado artefato" que alguém adorava), tempos ("dias santos" da introspecção espiritual, tais como durante os feriados religiosos), ou lugares ("solo sagrado", "lugar sagrado"exemplo). O sagrado é todo e qualquer objeto (abstrato ou concreto) ao qual se atribui um poder,uma força sobrenatural capaz de realizar aquilo que os homens julgam impossível e de interferir ou, até mesmo, comandar os acontecimentos naturais.
 
Muitas vezes, é atribuída a pessoas ("um homem santo" de profissão religiosa, "santo profeta", que é venerada por seus seguidores), objetos ("sagrado artefato" que alguém adorava), tempos ("dias santos" da introspecção espiritual, tais como durante os feriados religiosos), ou lugares ("solo sagrado", "lugar sagrado"). O sagrado é todo e qualquer objeto (abstrato ou concreto) ao qual se atribui um poder, uma força [[sobrenatural]] capaz de realizar aquilo que os homens julgam impossível e de interferir ou, até mesmo, comandar os acontecimentos naturais.
 
==Etimologia==
A palavra "sagrado" provém do termo [[latim|latino]] ''sacrum'', que se referia aos deuses ou a alguma coisa em seu poder. Foi geralmente concebido especialmente, como referindo-se à área em torno de um [[templo]]. Já o termo "santo" vem de ''sanctus'', significando "que tem caráter sagrado, augusto, venerando, inviolável, respeitável, purificador".
{{referências}}
 
==Fontes==
*[[Émile Durkheim|Durkheim, Emile]] (1915) ''The Elementary Forms of the Religious Life.'' London: George Allen & Unwin (originally published 1915, English translation 1915).