Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 19h20min de 11 de janeiro de 2018
m
ajustando datas nas citações usando script, +correções semiautomáticas (v0.57/3.1.41/)
{{Reciclagem|arte=sim|data=dezembro de 2011}}
 
[[Imagem:F-Stecker und Kabel.jpg|thumb|[[Cabo coaxial]] utilizado para transmissão dos sinais de televisão a cabo.]]
{{PBPE|Televisão a cabo|televisão por cabo}} ou '''televisão de antena comunitária''' (respectivamente ''Cable Television'', ou ''Community Antenna Television'' em [[língua inglesa|inglês]], '''CATV''') é um sistema de distribuição de conteúdos audiovisuais de [[televisão]], de [[rádio FM]] e de outros serviços para consumidores através de [[cabo coaxial|cabos coaxiais]] fixos, ao invés do tradicional e antigo sistema de transmissão via antenas de [[rádio (comunicação)|rádio]] ([[televisão aberta]]). Espalhou-se por vários países, principalmente através dos serviços de [[televisão por assinatura]].
 
Tecnicamente, a televisão por cabo envolve a distribuição de um número de canais de [[televisão]] coletados em um local central (conhecido como ''headend'' em [[língua inglesa|inglês]]) para assinantes dentro de uma comunidade através de uma rede de [[fibra óptica]] e/ou [[cabo coaxial|cabos coaxiais]] e [[amplificador]]es de [[banda larga]].
 
No caso da transmissão de rádio, o uso de diferentes frequências permite que muitos canais sejam distribuídos através do mesmo cabo, sem fios separados para cada um. O [[sintonizador]] da TV, o [[vídeo cassete]] ou o rádio seleciona um canal de seu sinal misturado.
O mesmo programa é frequentemente veiculado simultaneamente por rádio e distribuído por cabo, geralmente em frequências diferentes. Outros programas podem ser distribuídos por cabo apenas; regras restringindo conteúdo (como [[pornografia]]) praticamente inexistem em televisão a cabo.
 
== Faixas de Frequências usadas noNo Brasil ==
Estima-se que existam 19 milhões de usuários de serviços de TV por assinatura no Brasil; destes, 7,5 milhões de assinantes utilizam TV a cabo e os restantes utilizam [[DTH|TV via satélite]] ou via [[fibra óptica]].<ref>{{citar web|URL=http://www.abta.org.br/dados_do_setor.asp|título=Dados do Setor|autor=[[Associação Brasileira de Televisão por Assinatura]]}}</ref>
 
=== Faixas de frequências usadas no Brasil ===
Todos os [[televisor]]es produzidos a partir da década de 90 passaram a ser equipados com sintonizadores para as frequências usadas pelas operadoras de TV a cabo na distribuição do sinal, não necessitando de um decodificador a parte. Os canais também tem largura de 6&nbsp;MHz assim como a TV aberta transmitida por ar.
 
Esta faixa é utilizada para a transmissão analógica de sinais.
 
; Canal / Faixa de Frequência (em MHz)<ref>{{citar web |título=Frequências |url=http://www.teleondas.com.br/frequencias.html}}</ref><ref>{{citar web |título=Redes de CATV |url=http://poli.br/~pan/Apostila%20-%20REDES%20-%20pdf/006%20-%20Cap%EDtulo%2006%20-%20Rede%20de%20catv.pdf}}</ref>
{{col-begin}}
{{col-3}}
* 0: 1-11
* 1: 72-78
(os canais 2 a 13 correspondem aos mesmos na faixa do [[VHF]])
* 2: 54-60
* 3: 60-66
* 4: 66-72
* 5: 76-82
* 6: 82-88
* 7: 174-180
* 8: 180-186
* 9: 186-192
* 10: 192-198
* 11: 198-204
* 12: 204-210
* 13: 210-216
* 14: 120-126
* 15: 126-132
* 16: 132-138
* 17: 138-144
* 18: 144-150
* 19: 150-156
* 20: 156-162
* 21: 162-168
* 22: 168-174
* 23: 216-222
* 24: 222-228
* 25: 228-234
* 26: 234-240
* 27: 240-246
* 28: 246-252
* 29: 252-258
* 30: 258-264
* 31: 264-270
* 32: 270-276
* 33: 276-282
* 34: 282-288
* 35: 288-294
* 36: 294-300
* 37: 300-306
* 38: 306-312
* 39: 312-318
* 40: 318-324
* 41: 324-330
* 42: 330-336
{{col-3}}
* 43: 336-342
* 44: 342-348
* 45: 348-354
* 46: 354-360
* 47: 360-366
* 48: 366-372
* 49: 372-378
* 50: 378-384
* 51: 384-390
* 52: 390-396
* 53: 396-402
* 54: 402-408
* 55: 408-414
* 56: 414-420
* 57: 420-426
* 58: 426-432
* 59: 432-438
* 60: 438-444
* 61: 444-450
* 62: 450-456
* 63: 456-462
* 64: 462-468
(os canais 65 a 93 correspondem aos canais 14 a 43 da faixa do [[UHF]])
* 65: 468-474
* 66: 474-480
* 67: 480-486
* 68: 486-492
* 69: 492-498
* 70: 498-504
* 71: 504-510
* 72: 510-516
* 73: 516-522
* 74: 522-528
* 75: 528-534
* 76: 534-540
* 77: 540-546
* 78: 546-552
* 79: 552-558
* 80: 558-564
* 81: 564-570
* 82: 570-576
* 83: 576-582
* 84: 582-588
{{col-3}}
* 85: 588-594
* 86: 594-600
* 87: 600-606
* 88: 606-612
* 89: 612-618
* 90: 618-624
* 91: 624-630
* 92: 630-636
* 93: 636-642
* 94: 642-648
* 95: 90-96
* 96: 96-102
* 97: 102-108
* 98: 108-114
* 99: 114-120
(a partir daqui corresponde aos canais 44 a 69 da faixa do [[UHF]])
* 100: 648-654
* 101: 645-660
* 102: 660-666
* 103: 666-672
* 104: 672-678
* 105: 678-684
* 106: 684-690
* 107: 690-696
* 108: 696-702
* 109: 702-708
* 110: 708-714
* 111: 714-720
* 112: 720-726
* 113: 726-732
* 114: 732-738
* 115: 738-744
* 116: 744-750
* 117: 750-756
* 118: 756-762
* 119: 762-768
* 120: 768-774
* 121: 774-780
* 122: 780-786
* 123: 786-792
{{col-end}}
 
=== Backbones de condomínios ===
{{Vertambém|Backbone}}
 
Da mesma forma como acontece em sistemas de [[internet]], o ''backbone'' é o cabo troncal de uma rede sendo este o central em um edifício com antena coletiva.<ref>{{citar web|url=http://www.abta.org.br/glossario.asp|titulo=Glossário|data=|acessodata=[[30 de outubro]] de [[2016]]|obra=|publicado=Associação Brasileira de Televisão por Assinatura|ultimo=|primeiro=}}</ref><ref>{{Citar web|url=http://www.teleco.com.br/tutoriais/tutorialcatv/pagina_1.asp|titulo=teleco.com.br|acessodata=2016-10-30|obra=Teleco}}</ref> É muito usado em condomínios, hotéis e motéis que, por sua vez, fazem acordos com as operadoras para o cabeamento dos prédios e sua respectiva distribuição nos apartamentos.<ref name=":0">{{citar livro|titulo=Formulário de Autorização de Blackbone|ultimo=|primeiro=|editora=[[Oi TV]]|ano=|local=Rio de Janeiro|paginas=|acessodata=[[30 de outubro]] de [[2016]].}}</ref>
 
Operadoras como [[Oi TV]], [[Claro TV (Brasil)|Claro TV]], [[NET (telecomunicações)|NET]], [[Sky Brasil|SKY]] e [[Vivo TV]] fazem cabeamentos além de prestarem serviços exclusivos aos condomínios mediante autorização em assembleia de condôminos.<ref name=":0" />
 
== Em Portugal ==
Em setembro de 2017, o número de assinantes do serviço de TV por subscrição era de 3,25 milhões.<ref>{{citar web|URL=http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=727359|título=Número de assinantes do serviço de TV por subscrição sobe 3,3% para 3,25 milhões|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>
 
==No BrasilVer também ==
Estima-se que existam 19 milhões de usuários de serviços de TV por assinatura no Brasil; destes, 7,5 milhões de assinantes utilizam TV a cabo e os restantes utilizam [[DTH|TV via satélite]] ou via [[fibra óptica]].<ref>{{citar web|URL=http://www.abta.org.br/dados_do_setor.asp|título=Dados do Setor|autor=[[Associação Brasileira de Televisão por Assinatura]]}}</ref>
 
== Veja também ==
 
* [[Antena de televisão]]
* [[Televisão por satélite]]
* [[Televisão no Brasil]]
 
{{referênciasReferências}}
 
{{Portal3|Televisão}}
 
{{DEFAULTSORT:Televisao Por Assinatura}}
[[Categoria:Tecnologia de televisão]]
[[Categoria:Televisão a cabo| ]]
[[Categoria:Tecnologia de televisão]]
102 000

edições