Abrir menu principal

Alterações

2 261 bytes removidos, 02h48min de 28 de janeiro de 2018
→‎O "Plano de guerra contra a democracia": Trechos de citação de fonte primária. Não enciclopédico
 
=== O "Plano de guerra contra a democracia" ===
Na página 50 de ''"Karl Marx and Critical Examination of his Works"'' (1987) Leslie Page refere-se a obra ''"The Red Prussian: The Life and Legend of Karl Marx"'' do autor Leopold Schwarzschild publicado em 1947 nos Estados unidos e em 1948 na Grã-bretanha. Schwarzschild faz uma citação da [http://www.marxists.org/portugues/marx/1850/03/mensagem-liga.htm Mensagem do Comitê Central à Liga dos Comunistas – 1850 (''"Mensagem"'') ]. Este documento, escrito por Marx e Engels, era, como Marx disse numa carta para Engels (13 de Julho, 1851), ''"no fundo nada mais do que um plano de guerra contra a democracia"''.<ref>''Selected Correspondence'' (1941), p. 39; ''Marx-Engels, Werke'', Vol. 27 (1963), p.278. Apud PAGE, Leslie R.; ''Karl Marx and Critical Examination of his Works''. Londres: Freedom Association, 1987. p. 50</ref>
 
Segundo Robert Payne , (''Marx'', p.&nbsp;239), ''"Embora pouco conhecido e raramente estudado"'', a [http://www.marxists.org/portugues/marx/1850/03/mensagem-liga.htm "Mensagem"] é ''"um dos mais importantes e seminais do século XIX"'', ela ''"agiu como uma bomba que possuía um fusível atrasado, explodindo somente no século XX"''.<ref>PAYNE, Robert; ''Marx''. Londres: W. H. ALLEN & COMPANY, 1968.</ref>
Uma nota na página 674 do Volume 10 (1978) das ''"Marx/Engels Collected Works"'' (Obras Reunidas de Marx/Engels) diz que a [http://www.marxists.org/portugues/marx/1850/03/mensagem-liga.htm "Mensagem"] ''"continha as proposições fundamentais do programa e das táticas marxistas"''.
 
Segundo Robert Payne , (''Marx'', p.&nbsp;239), ''"Embora pouco conhecido e raramente estudado"'', a [http://www.marxists.org/portugues/marx/1850/03/mensagem-liga.htm "Mensagem"] é ''"um dos mais importantes e seminais do século XIX"'', ela ''"agiu como uma bomba que possuía um fusível atrasado, explodindo somente no século XX"''.<ref>PAYNE, Robert; ''Marx''. Londres: W. H. ALLEN & COMPANY, 1968.</ref>
 
O programa e das táticas recomendas por Marx e Engels incluíam: ''"a organização secreta e pública do partido dos trabalhadores"'' – com o ''"armamento de todo o proletariado, com fuzis, carabinas, canhões e munições"'' – assumindo a direção ''"aos chamados excessos, aos atos de vingança popular contra indivíduos odiados ou contra edifícios públicos que o povo só relembre com ódio"'' - montando - ''"conselhos municipais revolucionários"'' - estabelecendo ''"governos dos trabalhadores revolucionários… ao lado dos novos governos oficiais"''.
 
''"Durante o conflito e imediatamente após o combate, os operários, antes de tudo e tanto quanto possível, têm de agir contra a pacificação burguesa e obrigar os democratas a executar as suas atuais frases terroristas."''
 
Os trabalhadores deveriam: ''"Obrigar os democratas a intervir em tantos lados quanto possível da organização social até hoje existente, a perturbar o curso regular desta, a comprometerem-se a concentrar nas mãos do Estado o mais possível de forças produtivas, de meios de transporte, de fábricas, de caminhos-de-ferro, etc."'' – se esforçar para garantir ''"a mais decidida centralização do poder nas mãos do Estado"'' – ''"levar ao extremo as propostas dos democratas"'' e ''"ditar-lhes condições tais que a dominação dos democratas burgueses contenha em si desde o início o germe da queda"''.
 
== Eric Voegelin ==