Diferenças entre edições de "Caboclo"

495 bytes adicionados ,  17h28min de 30 de janeiro de 2018
Os atributos que definem a categoria social caboclos são econômicos, políticos e culturais. Nesse sentido, o termo refere-se aos pequenos produtores familiares da Amazônia que vivem da exploração dos recursos da floresta. Os principais atributos culturais que distinguem os caboclos dos pequenos produtores de imigração recente são o conhecimento da floresta, os hábitos alimentares e os padrões de moradia. Devido a seus atributos econômicos similares, no entanto, os dois, caboclos e imigrantes, podem ser alocados na categoria social mais ampla de camponeses.
 
== Referência bibliográfica ==
*[[Luís da Câmara Cascudo|Cascudo]], Luís da Câmara - ''Dicionário do folclore brasileiro''. Rio de Janeiro, Ministério da Educação e Cultura / Instituto Nacional do Livro, 1954.
* Deborah de Magalhães. A construção histórica do termo caboclo.
 
{{Referências}}
 
== Referência bibliográfica ==
*[[Luís da Câmara Cascudo|Cascudo]]CASCUDO, Luís da Câmara -]]. ''Dicionário do folclore brasileiro''. Rio de Janeiro, Ministério da Educação e Cultura / Instituto Nacional do Livro, 1954.
* MAGALHÃES LIMA, Deborah. A construção histórica do termo caboclo: sobre estruturas e representações sociais no meio rural amazônico. ''Novos Cadernos NAEA'', Belém, v. 2, n. 2, p. 5-32. 1999. [http://periodicos.ufpa.br/index.php/ncn/article/view/107 link].
* [[Darcy Ribeiro|RIBEIRO, Darcy]]. O Brasil caboclo. In: ''[[O povo brasileiro]]: a formação e o sentido do Brasil''. São Paulo: Companhia das Letras, 1995. [http://www.iphi.org.br/sites/filosofia_brasil/Darcy_Ribeiro_-_O_povo_Brasileiro-_a_forma%C3%A7%C3%A3o_e_o_sentido_do_Brasil.pdf link].
 
==Ver também==
4 515

edições