Diferenças entre edições de "Mosaico"

26 bytes adicionados ,  01h42min de 18 de fevereiro de 2018
sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de 187.123.104.129 para a última revisão de Vitor Mazuco, de 13h52min de 13 de abril de 2017 (UTC))
== História ==
[[Ficheiro:Vichtenthalia.jpg|left|thumb|250px|Mosaico do [[Império Romano]] em [[Vichten]], em [[Luxemburgo]], representando [[Tália (musa)|Tália]], a [[musa]] da [[comédia]]]]
O registro mais antigo da data de mosaicos feitos foi em [[3.500 a.C.]], na cidade de [[Ur]], na região da [[Mesopotâmia]]. O "Estandarte de Ur" compõe-se de dois painéis retangulares de 55 cm, feitos de [[arenito]] avermelhado e lápis-lazúli. No [[antigo Egito]], havia preciosos trabalhos feitos em [[sarcófago]]s de antigas [[múmia]]s; também havia mosaicos que decoravam colunas e paredes de templos.
 
Entre os gregos, existiam pisos feitos com pedaços de mármore branco ou de cor, embutidos numa massa compacta e muito resistente. Um motivo que alcançou um certo sucesso na Grécia foi de pombas, conhecidas como "Os passarinhos de [[Plínio]]". Em Roma esta arte começou no século I A.C. e foi largamente usada em pisos, murais fontes e até painéis transportáveis. Em [[Pompeia]] especificamente, foi um viveiro de mosaicistas que desde os poderosos e os abastados até o povo em geral apreciavam esta arte. No período paleo-cristão, abre-se para o mosaico uma nova era: a [[arte bizantina]], que é o verdadeiro triunfo das artes visuais do [[cristianismo]].
Utilizador anónimo