Abrir menu principal

Alterações

3 bytes removidos, 10h43min de 7 de março de 2018
m
"Haver" no sentido de existir é impessoal
 
==== ''Too Tough to Die'' ====
De agosto a dezembro de 1983 os Ramones ficaram sem tocar ao vivo. Foi o período mais longo em que a banda ficou sem fazer shows, devido a internações hospitalares de Joey e Johnny. Na noite do dia 15 de agosto, o guitarrista estava num bar e viu uma garota bêbada. Johnny ofereceu assistência à garota, mas em troca recebeu socos, chutes e pontapés na cabeça pelo suposto namorado da bêbada. HouveramHouve boatos sobre a necessidade de uma cirurgia no cérebro como consequência da briga, mas Joey desmentiu esta informação, declarando que a extensão das lesões de Johnny foram gravemente exageradas pela mídia. O vocalista, por sua vez, ficou apenas uma semana internado por conta de uma infecção no pé.<ref>{{citar web|url=http://articles.mcall.com/1984-01-12/features/2410440_1_tommy-ramone-joey-ramone-sire-records|titulo=Recovered From Injuries, Ramones Back On The Road|data=|acessodata=|publicado=|ultimo=|primeiro=}}</ref>
 
Johnny esteve entre a vida e a morte. Após a recuperação do guitarrista, os Ramones começaram a sair juntos novamente, e também resolveram sair em turnê sem namoradas ou esposas. Além disso, resolveram fazer um álbum mais pesado e sem a preocupação de emplacar um hit. Chamaram Ed Stasium e Tommy para a produção. O primeiro álbum com o baterista Richie se chamaria ''[[Too Tough to Die]]'', nome da terceira música do álbum. ''Too Tough To Die'' ("Muito durão para morrer", em português) foi uma homenagem que Dee Dee fez a Johnny.