Diferenças entre edições de "Armadura de escamas"

1 byte removido ,  17h46min de 20 de março de 2018
m
(+correções automáticas (v0.38/3.1.35))
Cavalos cobertos com armaduras de escamas são mencionados no milenar livro de poesia chinesa [[Clássico da Poesia]].{{harvref|Laufer|1914a|p=306}} Os guerreiros montados [[citas]] parecem ter usado armadura de escamas ou possivelmente lamelar, ambas evidentes de ilustrações contemporâneas e achados funerários nos [[Kurgan (túmulo)|Kurgans]]. As armaduras foram feitas de pequenas placas de ferro ou bronze; exclusivo para os citas, ca. 20% das mulheres encontradas em túmulos estavam vestidas para guerra, algumas incluindo armadura, que pode ter inspirado os contos gregos das [[Amazonas (mitologia)|Amazonas]].{{harvref|Anthony|2007}} De acordo com a declaração de [[Heródoto]], os [[Império Aquemênida|antigos persas]] usavam túnicas com mangas de cores diversas, tendo sobre elas escamas de ferro da forma de escamas de peixe; e esta comparação não deixou dúvida de que significavam armaduras de escama, e não cotas de malha.{{harvref|Laufer|1914b|p=239}}
 
As escamas individuais usadas para construir a armadura romana são chamadas ''squamae''{{harvref|Owen|1764|p=3046}} ou ''squama''.{{harvref|Lippincott|1861|p=859}} Durante a época romana a armadura de escamas (''lorica squamata'') foi uma alternativa popular para a cota de malha (''[[lorica hamata]]'') uma vez que oferecia uma proteção melhor contra concussãocontusão. Foi também amplamente usada nos impérios do Oriente Médio tais como os Estados persas ([[Império Parta|impérios Parta]] e [[Império Sassânida|Sassânida]]) e o [[Império Bizantino]]. Nestas áreas as escamas foram comumente côncavas (isto é, com um efeito tigela de uma depressão produzida através de marteladas em uma peça plana de metal) de modo a proporcionar uma proteção extra por uma escama arredondada.
 
Escamas individuais japonesas (samurai) são chamadas ''kozane''.{{harvref|Absolon|2011|p=70}} Armaduras de escamas japonesas construídas de escamas do tipo peixe (''gyorin kozane'') teriam sido construídas no [[Japão]] desde pelo menos o período Fujiwara ({{séc|XI}}). " Um tipo primitivo de cinto japonês, o ''laminae'' único de couro cozido, cortado e batido em forma de escamas de peixe."{{harvref|Laufer|1914b|p=196}}
25

edições