Diferenças entre edições de "Johann Wilhelm Ritter"

106 bytes removidos ,  23h09min de 21 de março de 2018
sem resumo de edição
m (general cleanup utilizando AWB)
'''Johann Wilhelm Ritter''' ([[Zamienice|Samitz]] em [[Chojnów|Haynau]], [[16 de dezembro]] de [[1776]] — [[Munique]], [[23 de janeiro]] de [[1810]]) foi um [[físico]] [[alemanha|alemão]], responsável pela descoberta da [[radiação ultravioleta]].
 
Em [[29 de outubro]] de [[1797]] relatou o [[Galvanismo]], indicando que os procedimentos galvânicos estão sempre limitados na [[oxidação]] e na redução. ConseqüentementeConsequentemente tornou-se o fundador da teoria eletroquímica.
 
A primeira [[eletrólise]] quantitativa da água foi feita por ele em [[1800]]. No mesmo ano inventou a coluna de secagem e dois anos mais tarde projetou-a com sua coluna que da carga o molde do recolhimento do acumulador.
 
Em 1803 criou a primeira pilha recarregável. Com o emprego de suas novas pilhas, fez várias observações sobre efeitos fisiológicos associados a estímulos elétricos, tendo constatado, por exemplo, que os músculos se contraem quando uma corrente elétrica aplicada aumenta de forma abrupta. Ele costumava usar o próprio corpo durante suas experiências eletrofisiológicas, sujeitando-se às vezes a altas voltagens.
 
Embora fosse um pesquisador ativo, Ritter escreveu poucos artigos científicos, e boa parte desses era de redação obscura. A partir de 1805, começou a envolver-se com ciências ocultas, e sua reputação foi bastante questionada pela comunidade científica. Com a saúde abalada, morreu em meio acom sérios problemas financeiros.<ref>PIMENTA, Marcos A. '''Da pele morena ao branco total'''. ''Memória Hoje''. Rio de Janeiro: Instituto Ciência Hoje, 2009, p. 72-76.</ref>
 
{{wikiquote|Johann Wilhelm Ritter}}
Utilizador anónimo