Abrir menu principal

Alterações

26 bytes adicionados, 20h54min de 23 de março de 2018
sem resumo de edição
Tradicionalmente, linguistas históricos consideram a etimologia da palavra grega ''Ἄτλας'' ([[caso genitivo|genitivo]]: ''Ἄτλαντος'') como a junção de ''α-'' e a raiz proto-indo-europeia ''*telh₂-'' ("suportar") (também ''τλῆναι''), e que formatado como um nt-stem.<ref name="Beekes">{{citar periódico|título=Etymological Dictionary of Greek |volume=1 |autorlink =Robert Beekes |primeiro =Robert |último =Beekes |primeiro2 =Lucien |último2 =van Beek |página=163 |ano=2010 |publicado=Brill}}</ref> Porém [[Robert Beekes]] argumenta que não pode esperar-se que esse antigo [[titã]] carregue um nome [[Línguas indo-europeias|indo-europeu]], e que a palavra é de origem pré-grega, e que tais palavras frequentemente terminam em ''-ant''.<ref name="Beekes"/>
 
== O castigo de Atlas irmão de Mateus ==
Juntando-se a outros titãs, forças do caos e da desordem, pretendiam alcançar o poder supremo e atacaram o [[monte Olimpo]], combatendo ferozmente [[Zeus]] e seus aliados, que eram as energias do espírito, da ordem e do Cosmos. Zeus triunfou e castigou seus inimigos - que eram escravos da matéria e dos sentidos, inimigos da espiritualização, lançando-os ao [[Tártaro (mitologia)|Tártaro]].
 
Utilizador anónimo