Abrir menu principal

Alterações

1 byte adicionado, 22h02min de 24 de março de 2018
m
== Arquitetura ==
[[Imagem:Bolsa do Café de Santos- Seus vitrais.JPG|esquerda|thumb|O [[vitral]] "''A visão de Anhanguera''" no teto do grande salão da Bolsa do Café]]
A construção do Palácio, de [[estilo eclético]], é considerada a mais importante obra do período, tendo sido a primeira edificação do estilo a ser tombada pelo [[Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional]] (IPHAN), em 2009. Com cúpulas de [[cobre]], grandes esculturas, vitrais, mármores, o trabalho de artífices estrangeiros e obras de arte construíram o discurso que relacionava a elite cafeeira aos primeiros bandeirantes enquanto construtores pioneiros de uma nação capitaneada por São Paulo.<ref name="Histórico/>
 
Os painéis e o vitral de [[Benedito Calixto]], na portentosa sala do pregão, tem importância fundamental na tradução visual deste discurso: no tríptico, o pintor imagina a cena de leitura do foral da Vila de Santos por [[Braz Cubas]]; nos painéis laterais, a representação da Vila de Santos em 1822 em comparação à cidade em 1922; e, finalmente, o vitral que cria – com bandeirantes, a agricultura, o porto, e o café – uma mitologia da nação.
16

edições