Diferenças entre edições de "Madame du Barry"

Sem alteração do tamanho ,  19h36min de 26 de março de 2018
→‎Juventude: Acho que é isso que quis dizer
(→‎Juventude: Acho que é isso que quis dizer)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
Aos 15 anos de idade abandona o convento, e usando o nome de Jeanne Rançon, ganha a vida em diversas actividades, desde aprendiz de cabeleireira a camareira de uma família de posses, passando por empregada de balcão de uma conhecida e elegante loja, ''La Toilette''. Pôde assim observar – e absorver – o mundo das mais altas esferas da sociedade parisiense.
 
Em 1763, a sua notória beleza chama a atenção de Jean-Baptiste du Barry, libertino confesso. Torna-se sua amante e instala-se na casa deste em Paris, onde acorriam muitas personagens ligadas à música e às artes. De facto, o conde era um grande apreciador de música e, sobretudo, de pintura, tendo Jeanne bebidoobtido muitos dos seus conhecimentos.
 
== A vida na corte ==
4 299

edições