Diferenças entre edições de "Tozeur"

41 bytes removidos ,  14h46min de 4 de abril de 2018
sem resumo de edição
De referir também os testemunhos de [[Caio Plínio Segundo|Plínio, o Velho]] {{nwrap||23|79 d.C.}}, que descrevem de forma lírica a beleza paradisíaca do lugar.{{HarvRef|Cheraït|2002|p=15}} A cidade torna-se um posto no [[limes]] saariano, na [[estrada romana]] que ia de [[Gabès]] a [[Biskra]] (atualmente na Argélia), especializado no comércio de [[tâmara]]s e de [[Escravidão|escravos]]. Da influência [[Cristianismo|cristã]] de [[Agostinho de Hipona|Santo Agostinho]] subsistem vestígios duma igreja sobre a qual foir construída a mesquita El Kasr, situada em Bled al-Hadhar e alguns ritos, como o de Sidi Yuba, que consiste em [[Batismo|batizar]] os rapazes antes da [[circuncisão]].<ref name=Zouari />
 
Durante a [[Idade Média]], a região de Tozeur era chamada "terra de Qastiliya" — nome mencionado pelo [[geógrafo]] árabe [[Abū 'Ubayd 'Abd Allāh al-Bakrī|Al-BakriAlbacri]] {{nwrap||1014|1094}}{{Harvy|AlBak|Al-BakriAlbacri}} — devido à sucessão de aldeias fortificadas chamadas ''castella'', que contribuem para que ao longo do tempo Tozeur e os seus arredores se tornem um refúgio para diversos dissidentes religiosos ([[Donatismo|donatistas]] cristãos, [[Xiismo|xiitas]] e [[carijitas]]).<ref name=Zouari /> Segundo uma versão mais mitológica do que histórica, o termo Qastiliya é uma alusão a Qustal,{{quem}} filho de [[Sem]] e neto de [[Noé]], que teria fundado a cidade depois do [[Dilúvio (mitologia)|Dilúvio]].<ref name=Salah />
 
[[Imagem:Tozeur AQChebbi.jpg|thumb|left|Memorial ao poeta {{ilc|Abu el Kacem Chebbi||Aboul-Qacem Echebbi|Abu al-Qasim asch-Schabbi}}, natural de Tozeur, no parque do belvedere]]
{{Refbegin|2}}
 
*{{Citar livro|ultimo=Al-BakriAlbacri|ano=século XI|autorlink=Abu 'UbaydUbaide 'AbdAbdalá Allah al-BakriAlbacri|título=Descrição da àfrica setentrional|ref=AlBak}} Tradução:{{Citar livro|ultimo=Slane|primeiro=William Mac Guckin de|ano=1913|autorlink=William Mac Guckin de Slane|título=Description de l'Afrique septentrionale|editora=Éd. Adolphe Jourdan|lingua3=fr|local=Argel|ref=harv}}
 
*{{Citar livro|ultimo=Bazza|primeiro=Mohamed|data=28-30 e outubro de 2006|título=Overview of the hystory of water resources and irrigation management in the Near East region|editora=1st IWA international Symposium on Water and Wastewater Technologies in Ancient Civilizations|lingua3=en|local=Heraklion|url=http://archive.wikiwix.com/cache/?url=http://www.fao.org/world/regional/rne/morelinks/publications/english/hystory-of-water-resources.pdf|acessodata=1 de janeiro de 2012|formato=PDF|ref=harv}}