Abrir menu principal

Alterações

24 bytes adicionados, 15h00min de 4 de abril de 2018
m
 
=== Avanços do Eixo (1940) ===
[[Imagem:Hitler, inSpeer Parisy Breker en París, 23 Junede junio de 1940.jpg|thumb|upright|esquerda|Hitler em [[Paris]] com o arquiteto [[Albert Speer]] (esquerda) e o escultor [[Arno Breker]] (direita), em 23 de junho de 1940, após o fim da [[Batalha da França]].]]
 
A Alemanha [[Batalha da França|invadiu a França]], [[Batalha da Bélgica|Bélgica]], [[Batalha dos Países Baixos|Países Baixos]] e [[Luxemburgo]] em 10 de maio de 1940.<ref>{{citar livro|último =Evans|primeiro =Richard J.|título=The Third Reich at War 1939–1945|ano=2008|publicado=Allen Lane|local=Londres|isbn=978-0-7139-9742-2|páginas=122–123}}</ref> Os Países Baixos e a Bélgica foram invadidos através de táticas de ''[[blitzkrieg]]'' em poucos dias e semanas, respectivamente.<ref name="shirer721-3">{{citar livro|último =Shirer|primeiro =William L|título=The Rise and Fall of the Third Reich: A History of Nazi Germany|publicado=Simon and Schuster|ano=1990|páginas=721–3|isbn=0-671-72868-7}}</ref> A linha fortificada francesa conhecida como [[Linha Maginot]] e as forças aliadas na Bélgica foram contornadas por um movimento de flanco através da região densamente arborizada das [[Ardenas]],<ref>{{citar livro|último =Keegan|primeiro =John|título=The Second World War|ano=1997|publicado=Pimlico|local=Londres|isbn=0-7126-7348-2|páginas=59–60}}</ref> considerada erroneamente pelos planejadores franceses como uma barreira natural impenetrável contra veículos blindados.<ref>{{citar livro|último =Regan|primeiro =Geoffrey|título=The Brassey's book of military blunders|publicado=Brassey's|ano=2000|página=152|isbn=1-57488-252-X}}</ref>
631

edições