Abrir menu principal

Alterações

480 bytes adicionados, 03h48min de 6 de abril de 2018
m
Desfeita(s) uma ou mais edições de Grl612 (Viola WP:MANUAL), com Reversão e avisos
Os '''cogumelos alucinógenos''', conhecido também como {{PEPB|'''cogumelos psicodélicos'''|'''cogumelos psicodélicos'''}} ou ainda '''cogumelos mágicos''' são [[fungo]]s com propriedades alucinógenas, utilizados por diversos povos em suas atividades culturais, bem como [[droga]]s recreativas, especialmente por jovens urbanos influenciados por diversos movimentos culturais.
'''Cogumelos Mágicos'''
 
É possível distinguir três grupos de cogumelos [[psicotrópico]]s<ref name="larousse">{{citar livro| editora =Larousse| título =Dictionnaire des drogues et des dépendances| autores =Denis Richard, Jean-Louis Senon, Marc Valleur| ano =2004| isbn =2-03-505431-1}}</ref> :
Os cogumelos mágicos devem ser usados com respeito e conhecimento.
* aqueles com ação psicotônica que induzem psicoestimulação e alterações sensoriais moderadas. Incluem-se aqui sobretudo os [[amanita]]s mas também ''[[Boletus manicus]]'' ou o ''[[Boletus reayi]]'' utilizados pelos Kumas da [[Nova Guiné]] <ref>Treu, Roland; Adamson, Win. Ethnomycological Notes from Papua, New Guinea. McIlvainea 16 (2) Fall 2006 [http://auspace.athabascau.ca:8080/dspace/bitstream/2149/1669/1/Treu.pdf disponível em pdf]</ref>
* aqueles com ação psicoléptica, com efeito essencialmente [[hipnótico]], como os ''[[Lycoperdon]]''.<ref>Spooner, Brian. Lycoperdon perlatum (common puffball) [http://www.kew.org/plants-fungi/Lycoperdon-perlatum.htm Royal Botanic Gardens, Kew ] Acesso out. 2013</ref>;
* aqueles com ação [[Drogas alucinógenas|psicodisléptica]] ou ''cogumelos alucinógenos'' contendo [[psilocibina]] ou [[psilocina]], incluindo mais de 190 espécies nos gêneros ''[[Agrocybe]]'', ''[[Conocybe]]'', ''[[Copelandia]]'', ''[[Dictyonema]]'', ''[[Galerina]]'', ''[[Gerronema]]'', ''[[Gymnopilus]]'', ''[[Hypholoma]]'', ''[[Inocybe]]'', ''[[Mycena]]'', ''[[Panaeolus]]'', ''[[Pluteus]]'', ''[[Psilocybe]]'' e ''[[Weraroa]]''. <ref> Schmull, Michaela et al. Dictyonema huaorani (Agaricales: Hygrophoraceae), a new lichenized basidiomycete from Amazonian Ecuador with presumed hallucinogenic properties. The Bryologist 2014 117 (4), 386-394 [http://www.bioone.org/doi/abs/10.1639/0007-2745-117.4.386 Abstract] Acesso Fev. 2015</ref>
 
Normalmente são classificados como tóxicos, por ser essa a terminologia jurídica, e enteógenos ou psicodélicos devido aos efeitos que causam.
Existem duas espécies comuns, Psilocybe Cubensis e Panaeolus Cianescens. Ambas são Psicoativas e sua substância alucinógena é a Pscilocina.
Eles são encontrados no esterco de vacas, bois e búfalos.
Em qualquer pasto do Brasil que contenha excremento desses animais.
Porém o clima deve ser favorável, tendo chovido por pelo menos uns 3 dias seguidos e feito calor.
Eles são completamente seguros, não causam dependência ou possuem venenos.
O fato que comprova que são os cogumelos certos é que depois de colhidos do solo o caule deles fica pouco azulado ou esverdeado, podendo ficar até preto.
Essa mudança de cor cabe a substância Pscilocina.
A viagem deve ser segura nas primeiras vezes, sempre acompanhado com algum amigo.
 
No [[Brasil]], nas décadas de [[década de 1960|60]] e [[década de 1970|70]], não era incomum ver jovens que buscavam determinada espécie destes cogumelos nos pastos dos estados do sul. Estes nasciam sobre o esterco do gado e eram colhidos para se fazer um chá: o "[[chá de cogumelos]]", que devido à [[psilocibina]] e psilocina fazia com que se "abrissem" mais um pouco [[as portas da percepção]]. Porém, quando ingerido em sua forma natural, ou com algum ingrediente a fim de modificar seu gosto forte, os efeitos se mostram mais intensos, já que a alta temperatura usada no "chá" destrói parte de seu potencial, deixando as moléculas de seu elemento ativo instáveis, contudo com o risco das reações adversas dessa combinação (há referências de mistura com [[leite condensado]] por alguns experimentadores de próprio risco). Os mais antigos textos sobre o seu uso na cultura [[asteca]], compilados pelo padre [[Bernardino de Sahagún]], referem-se a uma mistura do cogumelo teonanacatl com mel <ref>Furst, Peter, E. Cogumelos psicodélicos, - tudo sobre drogas, SP, Nova Cultural, 1989</ref>. Além disso, quando ingerido na forma sólida, o efeito vem de forma mais vagarosa, dando tempo ao usuário para perceber melhor o que está acontecendo, dentro e fora de sua mente. Experimentos de universidades geralmente utilizam [[espécimes]] secas ou cápsulas de seu elemento ativo.
Existem 3 formas de consumo dos cogumelos:
 
- Frescos: Após colhidos e lavados, consumidos.
- Chá: Após colher e lavar, por na panela com água até ferver por uns 5 minutos.
- Desidratados (Recomendado): Após colher, lavar e deixar 24 horas na frente do ventilador.
 
#Dosagem
 
Psilocybe Cubensis (Dosagem leve a mediana)
 
- Frescos: 20 - 25
- Chá: 20 - 25 a cada 500 ml
- Seco: 5 - 10
 
Panaeolus Cianescens (Dosagem leve a mediana)
 
- Frescos: 10 - 15
- Chá: 10 - 15
- Seco: 3 a 7
 
Obs: O método de consumo deles desidratados é o mais recomendado pq são mais potentes e de efeito mais rápido e limpo.
 
Efeitos: Logo após consumidos, cerca de 20 minutos causa um pouco de confusão, um pouco de mal estar principalmente no estômago e um pouco de tremores nas mãos e pernas frouxas. Esses efeitos são normais, sem preocupação, ocorre por causa que o corpo receita a Psilpcina mas quando ela faz efeito de verdade, cerca de 50 minutos após consumidos esses sintomas somem e as alucinações começam.
 
Amanita Muscaria
(Cogumelos do Mario)
 
Esse cogumelos é um pouco diferente.
 
Sua substância Psicoativas não é a Pscilocina como dos outros e ao contrário dos outros dois ele é TÓXICO. A cima de 30 gramas é MORTAL!
 
Esse cogumelos é encontrado em clima frio e em florestas de pinheiros. Muito encontrado no Paraná.
Ele nunca deve ser consumido fresco pois possui muito veneno.
É necessário o processo de desidratação igual aos dos outros, porém são 48 horas de desidratação.
Além de consumido desidratado pode ser fumado depois de desidratado pois sua substância não é destruída com o calor intenso diferente da Psilpcina.
Uma dosagem segura dele é por volta de 8 grama secos.
Recomendo ir comendo de 2 em 2 gramas e esperando até 30 minutos.
 
Atenção: os cogumelos da espécie Amanita são os mais perigosos, então tenha muita certeza que pegou o certo, um erro pode custar sua vida.
 
Obs: O Amanita Muscaria não muda de cor após colhido diferente dos cogumelos de pscilocina.
 
Efeitos alucinógenos: Vão de uma sensação corporal prazerosa até perda total de noção da realidade.Tudo depende da dosagem e do locar da experiência.
 
- Prazer em estar presente
 
- Confusão ao se expressa
 
- Gargalhadas
 
- Euforia
 
- Sensação de conexão com o universo
 
- Aprendizado infinito
 
- Alucinações visuais e auditivas
 
== [[Muscarina]] ==
43 140

edições