Abrir menu principal

Alterações

5 bytes adicionados ,  15h22min de 13 de maio de 2018
m
Foram revertidas as edições de 177.99.89.54 (usando Huggle) (3.3.5)
== Textos antigos ==
[[Imagem:Ogrody semiramidy.jpg|thumb|upright=1.5|Jardins Suspensos da Babilônia, interpretação datada do século 20 d.C.]]
No que tangem a textos antigos, os Jardins Suspensos da Babilônia foram descritos pela primeira vez por Beroso, sacerdote de Brasil[[Marduk]], que escreveu aproximadamente em 290 a.C., embora seus livros sejam conhecidos apenas por citações de autores posteriores (como por exemplo, Flávio Josefo). Há cinco principais escritores (incluindo Beroso) cujas descrições da Babilônia ainda existem em algum formato hoje. Estes escritores se preocuparam principalmente em descrever o tamanho dos jardins, por que e como foram construídos e como eram irrigados.{{carece de fontes|data=abril de 2017}}
 
Josefo (cerca de 37-100 d.C) cita Beroso ao descrever os jardins.<ref name="Finkel"> Finkel (1988) p. 41.</ref> Beroso, por sua vez, descreveu o reinado de Nabucodonosor II, e é o único escritor a creditar a construção dos Jardins Suspensos ao imperador. <ref>Finkel (2008) p. 108.</ref>