Diferenças entre edições de "Quersoneso"

Sem alteração do tamanho ,  01h01min de 17 de maio de 2018
sem resumo de edição
[[Imagem:Vasnetsov Bapt Vladimir.jpg|thumb|250px|[[Viktor Vasnetsov]]: ''O baptismo do príncipe São Vladimir em Quérson'.'']]
 
Em [[838]] o imperador [[Teófilo (imperador)|Teófilo]] enviou o nobre [[Petronas Camatero]], que supervisionara havia pouco a construção da fortaleza cazar de [[Sarkel]], para senhorear-se da cidade e da região circundante. Permaneceu em mãos bizantinas até [[980]], quando caiu nas mãos de [[Quieve]]. [[Vladimir, o Grande]] só aceitou abandonar a fortaleza se [[Ana Porfirogénita]], irmã de {{Lknb|Basílio|II BulgaróctoneBulgaróctono}}, lhe fosse dada em casamento. A exigência causou escândalo em Constantinopla, uma vez que as princesas imperiais nunca se tinham casado com não-gregos. Como condição para a realização do casamento, Vladimir foi [[Baptismo|baptizado]] em 988 em Quérson, abrindo o caminho para a evangelização da [[Rússia de Quieve]].
 
Depois da [[Quarta Cruzada]] Quérson tornou-se parte do [[Império de Trebizonda]], e em seguida caiu nas mãos dos [[República de Génova|genoveses]] no início do século XIV. Em 1299, a cidade foi saqueada pelos exércitos do [[Canato Nogai]]. Um século mais tarde foi destruída por [[Edigu]] e abandonada. No final do século XIX a catedral de [[São Vladimir]] (1892) foi erguida sobre uma pequena colina perto das ruínas da cidade; desenhada em estilo bizantino, foi concebida para assinalar o local do baptismo do santo.