Abrir menu principal

Alterações

167 bytes adicionados ,  21h08min de 19 de maio de 2018
m
{{Quote|texto=A história do "segundo Moisés", como Maimônides veio a ser chamada, é revestida de fábula. De acordo com alguns de seus biógrafos, ele evidenciou na infância uma acentuada falta de inclinação ao estudo. Isso, no entanto, é altamente improvável, pois as obras produzidas por ele em sua juventude mostram que seu autor não havia passado sua juventude na ociosidade. (Jewish Encyclopedia - Texto na Integra.(1906))}}
Rambam;<ref>{{Citar web|url=http://www.sacred-texts.com/jud/gfp/gfp004.htm|titulo=Guide for the Perplexed: The Life of Moses Maimonides|data=1904|acessodata=2018-05-15|obra=www.sacred-texts.com|publicado=|ultimo=|primeiro=Sagrado.|autor=Moses Maimonides bn Mammon|outros=Keneset á-midrax We R. Natã_"Um dia, quando o rabino Nathan estava expondo o Talmud e não pôde dar uma explicação satisfatória da passagem em discussão, o rabino Moisés, filho de Maimon... nasceu em Córdoba, no dia 14 de nisã, 4895 (30 de março de 1135).}}</ref> recebeu sua instrução rabínica nas mãos de seu pai, Maimon, ele mesmo um erudito de alto mérito, foi colocado em tenra idade sob a orientação dos mais distintos eruditos árabes, estes o iniciaram em todos os ramos da Sabedoria daquele tempo. Moisés tinha apenas treze anos quando Córdoba caiu nas mãos dos fanáticos [[Califado Almóada|Almóada]], Maimon e todos os seus correligionários foram obrigados a escolher entre o [[Islão]] e o [[Exílio]].<ref>{{Citar web|url=http://www.jewishencyclopedia.com/articles/10299-maimon-maimun-ben-joseph|titulo=MAIMON (MAIMUN) BEN JOSEPH|data=|acessodata=2018-05-15|obra=www.jewishencyclopedia.com|publicado=|ultimo=|primeiro=|lingua=en}}</ref> Maimon e sua família escolheram o último curso, e por doze anos levaram uma vida nômade, vagando de um lado para o outro na [[Al-Andalus|Espanha]] e possivelmente ao pé da [[Cordilheira do Atlas|cordilheira Atlas]] do outro lado do [[Mar Mediterrâneo|Mediterrâneo]].
[[imagem:Flickr - USCapitol - Maimonides (1135-1204).jpg|miniatura|[[Relevo (escultura)|Revelo]] de Maimonides na [[Câmara dos Representantes dos Estados Unidos]].]]
 
Em 1160 os Maimonides estabeleceram-se em [[Fez]], onde, eram desconhecidos das autoridades, esperavam assim se passar por muçulmanos. Essa vida dupla, no entanto, tornou-se cada vez mais perigosa. A reputação de Maimônides (Rambam da família Maimonides) estava em constante crescimento, e as autoridades começaram a indagar sobre a disposição religiosa desse jovem altamente qualificado. Ele foi até mesmo acusado de cometer o crime de ter recaído do Islão, mas, por intercessão de um amigo muçulmano, o poeta e teólogo Abu al-'Arab al-Mu'ishah, se não fosse assim teria compartilhado do mesmo destino de seu amigo Judá ibn Shoshan, que pouco antes havia sido executado por uma acusação semelhante. Essas circunstâncias fizeram com que os membros da família Maimônides deixasse [[Fez]].
 
==== Ética médica ====
O método adotado por Maimonides na prática profissional era de começar com um tratamento simples, procurando curas por meio de dietas prescritas antes de administrar drogas. Falando de sua carreira médica em uma carta dirigida a seu aluno Joseph ibn 'Ainin, Maimônides diz: <blockquote>''Você sabe o quão difícil é essa profissão para alguém que é consciencioso e exato, que declara apenas aquilo que ele pode apoiar por; argumentação ou autoridade.'' </blockquote>
 
== Sua morte ==
Os últimos anos da vida de Maimônides foram marcados pelo aumento de doenças físicas; ele morreu em seu septuagésimo ano, fato esse lamentado por muitas congregações em várias partes do mundo. Reconhecimento póstumo:
8 277

edições