Abrir menu principal

Alterações

1 byte adicionado, 18h17min de 24 de maio de 2018
m
Foram revertidas as edições de ArthurRezendeJesus para a última revisão de Trierweiller, de 18h14min de 24 de maio de 2018 (UTC)
Nome = Tuberculose |
Imagem = Tuberculosis-x-ray-1.jpg |
Legenda = [[Raio-X]] do peito de um Heitorpaciente com tuberculose pulmonar avançada |
DiseasesDB = 8515 |
CID10 = {{CID10|A|15||a|15}}-{{CID10|A|19||a|15}} |
Em diversos países, houve a ideia de que por volta de 2010 a doença estaria praticamente controlada e inexistente. No entanto, o advento do [[HIV]] e da [[AIDS]] mudaram drasticamente esta perspectiva. No ano de 1993, em decorrência do número de casos da doença, a [[Organização Mundial da Saúde]] (OMS) decretou estado de emergência global e propôs o [[DOTS]] (Tratamento Diretamente Supervisionado) como estratégia para o controle da doença.{{carece de fontes|data=junho de 2017}}
[[Ficheiro:Mapa tuberculose.png|miniaturadaimagem|250px|80% dos casos de tuberculose no mundo concentram-se nos países assinalados em tons de vermelho. Fonte: [[OMS]] (2007)]]
 
== Outros nomes populares ==
A tuberculose também é chamada popularmente de '''delicada''', '''doença do peito''', '''doença-ruim''', '''fininha''', '''fraqueza do peito''', '''magra''', '''magrinha''', '''moléstia-magra''', '''mal-de-secar''', '''mal-dos-peitos''', '''queixa do peito''' e '''seca''' (ê).<ref>FERREIRA, A. B. H. ''Novo Dicionário da Língua Portuguesa''. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 1 723.</ref>