Abrir menu principal

Alterações

44 bytes removidos ,  23h55min de 2 de junho de 2018
m
Foram revertidas as edições de 177.13.178.119 para a última revisão de HVL, de 20h51min de 19 de maio de 2018 (UTC)
|débito = 13 598
|débito_max = 70 000
|foz = [[RioOceano ParáAtlântico]]/Golfão Amazônico
|área_bacia = 803 250
|país = {{BRA}}
O '''rio Tocantins''' é um [[curso de água]] que nasce na serra Dourada, no estado de Goiás, passando logo após pelos [[Unidades federativas do Brasil|estados]] de [[Goiás]], [[Tocantins]], [[Maranhão]] e [[Pará]], até a sua foz no golfo Amazônico - próximo a [[Belém (Pará)|Belém]], onde se localiza a [[ilha de Marajó]].
 
Após a união do [[Rio das Almas (Goiás)|rio das Almas]], rio [[Rio Maranhão|Maranhão]] e rio [[Rio Paranã|Paranã]], entre os municípios de [[Paranã]] e [[São Salvador do Tocantins]] (ambos localizados no estado do Tocantins), o rio passa a ser chamado definitivamente de rio Tocantins. Durante a época das cheias, seu trecho navegável é de aproximadamente {{fmtn|2000}}km, entre aas sua foz, no furocidades de Santa[[Belém Maria(Pará)|Belém]], no Pará e [[Lajeado (Tocantins)|Lajeado]], no Tocantins.
 
O rio Tocantins é o segundo maior rio totalmente brasileiro (perde apenas para o [[rio São Francisco]]), e também pode ser chamado de Tocantins-Araguaia, após juntar-se ao [[rio Araguaia]] na região do "Bico do Papagaio", que fica localizada entre o [[Tocantins]], o [[Maranhão]] e o [[Pará]]. É no vale do médio e baixo rio Tocantins que se encontrava a maior concentração de [[Castanha-do-pará|castanheiras]] da [[Amazônia]].
Ocupando uma área de 803 250 quilômetros quadrados, é a maior bacia hidrográfica inteiramente brasileira. Além de apresentar-se navegável em muitos trechos, é a terceira do Brasil em potencial hidrelétrico, encontrando-se nela a [[Usina Hidrelétrica de Tucuruí]].
 
O [[Tocantins]], principal rio dessa bacia, nasce no norte de [[Goiás]] e deságua no furo de Santa Maria ou [[Rio Pará]], [[Golfãooceano AmazônicoAtlântico]]. Em seu percurso, recebe o [[rio Araguaia]], que se divide em dois braços, formando a [[ilha do Bananal]]; situada no [[Unidades federativas do Brasil|estado]] de [[Tocantins]], é considerada a maior ilha fluvial interior do mundo.
 
Nessa região, ocorrem rios de regime austral, ao sul, e equatorial, ao norte.
39 521

edições