Abrir menu principal

Alterações

m
consertando espaço duplicado
[[Imagem:Romanian_troops_at_Marasesti_in_1917.jpg|thumb|esquerda|Tropas da Romênia durante a [[Batalha de Mărăşeşti]], 1917.]]
 
A [[Romênia]] tinha sido aliada das Potências Centrais desde 1882. Quando a guerra começou, no entanto, declarou sua neutralidade, argumentando que, como a Áustria-Hungria havia declarado a guerra à Sérvia, a Romênia não tinha obrigação de se juntar à guerra. Quando as potências da Entente prometeram a [[Transilvânia]] e o [[Banato]] para a Romênia, grandes territórios do leste da [[Hungria]], em troca de uma declaração de guerra da Romênia contra as Potências Centrais, o governo romeno renunciou à sua neutralidade. Em 27 de agosto de 1916, o exército romeno lançou um ataque contra a Áustria-Hungria, com apoio russo limitado. A ofensiva romena foi inicialmente bem-sucedida contra as tropas austro-húngaras na Transilvânia, mas um contra-ataque das forças das Potências Centrais os levou de volta.<ref>Michael B. Barrett, ''Prelude to Blitzkrieg: The 1916 Austro-German Campaign in Romania'' (2013)</ref> Como resultado da [[Batalha de Bucareste]], as Potências Centrais ocuparam [[Bucareste]] em 6 de dezembro de 1916. Os combates na [[Moldávia]] continuaram em 1917, resultando em um impasse custoso para as Potências Centrais. A retirada russa da guerra no final de 1917 como resultado da [[Revolução de Outubro]] significou que a Romênia seria obrigada a assinar um armistício com as Potências Centrais, o que aconteceu em 9 de dezembro de 1917.<ref>{{Citar web|url=http://www.worldwar2.ro/primulrazboi/?language=en&article=116 |título=The Battle of Marasti (July 1917) |publicado=WorldWar2.ro |data=22 de julho de 1917 |acessodata=8 de maio de 2011}}</ref><ref>Cyril Falls, ''The Great War'', p. 285</ref>
 
Em janeiro de 1918, as forças romenas estabeleceram o controle sobre a [[Bessarábia]] quando o exército russo abandonou a província. Embora um tratado tenha sido assinado pelos governos romeno e russo-[[bolchevique]] após negociações de 5 a 9 de março de 1918 sobre a retirada das forças romenas da Bessarábia em dois meses, em 27 de março de 1918, a Romênia anexou a Bessarábia ao seu território, formalmente com base em uma resolução aprovada pela assembleia local desse território em sua unificação com a Romênia.<ref>Clark, Charles Upson (1927). Bessarabia. Nova Iorque: Dodd, Mead.</ref>