Diferenças entre edições de "Grande Prêmio da Grã-Bretanha de 2018"

2 471 bytes adicionados ,  01h47min de 8 de julho de 2018
Etiqueta: Expressão problemática
=== Treino Classificatório ===
;Q1
O treino começou com a confirmação de Sebastian Vettel depois do incômodo no pescoço que o impediu de completar a terceira sessão livre. Por outro lado, Brendon Hartley, que bateu com violência por causa da quebra da suspensão dianteira esquerda, não disputou o treino e larga em último.
 
Logo aos seis minutos, Lance Stroll colocou mais uma rodada em sua extensa galeria de erros em um ano e meio de carreira. O canadense perdeu o controle do péssimo carro da Williams na curva 6, a mesma do acidente de Hartley, e ficou preso na caixa de brita, interrompendo o treino. Depois da retomada da sessão, o companheiro de equipe de Stroll, Sergey Sirotkin, também rodou, voltou à pista, mas não conseguiu avançar no treino.
 
Liberado para o treino, Vettel estabeleceu o melhor tempo já registrado em Silverstone na atual configuração de traçado, com 1m26s585, 0s233 à frente de Lewis Hamilton, com Valtteri Bottas, Max Verstappen, Kimi Raikkonen, Charles Leclerc e Daniel Ricciardo completando os primeiros.
 
Nos minutos finais, a briga pelas vagas no Q2 foi ferrenha, com Carlos Sainz chegando a tirar o companheiro de Renault Nico Hulkenberg do Top15, mas levando o troco em seguida. Decepcionou a participação de Stoffel Vandoorne, eliminado mais uma vez com a McLaren.
 
'''Eliminados:'''
 
;Q2
De imediato, Bottas estabeleceu o novo recorde de Silverstone, com 1m26s413, mas foi logo superado por Vettel, com 1m26s372, enquanto Raikkonen ficou 0s111 atrás do alemão. Hamilton cometeu um erro na primeira tentativa, mas reagiu em seguida e assumiu o primeiro lugar, com 1m26s256.
 
Entre os eliminados, a surpresa foi Nico Hulkenberg, que ficou apenas em 11º com o carro da Renault, perdendo a última vaga no Q3 para Esteban Ocon por 0s058. Charles Leclerc voltou a ter excelente desempenho com a Sauber ao ficar em nono no Q2, seis posições à frente do companheiro Marcus Ericsson, enquanto Fernando Alonso acabou eliminado com a McLaren, em 13º.
 
'''Eliminados:'''
 
;Q3
Na primeira série de tentativas no Q3, Hamilton foi o primeiro a baixar da casa de 1m26s ao marcar 1m25s993, mas logo em seguida Vettel respondeu com 1m25s936, melhor tempo já registrado em Silverstone até aquele momento.
 
Na última tentativa, Hamilton registrou uma volta ainda melhor, em 1m25s892, enquanto Vettel, depois de um mau primeiro setor, melhorou nas demais parciais mas ficou a 0s044 de Hamilton. Com o melhor primeiro setor, Raikkonen fez o terceiro tempo, com um tempo apenas 0s098 da pole position.
 
[[Ficheiro:2018 10 GBR Start.png|800px|thumb|centro|Grid de Largada]]
Utilizador anónimo