Diferenças entre edições de "Guerra da Independência do México"

4 bytes adicionados ,  18h11min de 12 de julho de 2018
 
== Guerrero, Victoria e a guerra de guerrilha ==
Entre [[1815]] e [[1821]], a guerra de independência tornou-se uma guerra de [[guerrilha]]. Nesta fase emergiriam dois caudilhos ilustres: [[Guadalupe Victoria]] (cujo nome verdadeiro era Manuel Félix Fernández) em [[Puebla]] e [[Vicente Guerrero]] em [[Oaxaca]]. Os dois ganharam a lealdade e o respeito dos seus seguidores. Entretanto o Vice-rei pensava ter a situação controlada e declarou o indulto geral para todos os rebeldes que depusessem as armas.
 
Após dez anos de guerra civil e a morte de dois dos seus líderes, o movimento insurgente encontrava-se inerte e próximo do fracasso. Os rebeldes enfrentavam forte resistência dos espanhóis e a apatia dos ''criollos'' mais influentes da colónia. A violência excessiva e a paixão popular dos exércitos irregulares de Hidalgo e Morelos convenceram muitos ''criollos'' de que se tratava de uma guerra de classes e raças, o que os levou a juntar-se, ainda que contrafeitos, ao governo espanhol, até que pudessem encontrar uma via menos sangrenta para a obtenção da independência. É neste momento que os planos de um caudilho militar coincidiram com uma revolta liberal em Espanha, tendo tornado possíveis as repentinas mudanças de lealdade, a favor do lado independentista.
Utilizador anónimo