Abrir menu principal

Alterações

87 bytes adicionados ,  21h43min de 24 de julho de 2018
sem resumo de edição
{{História da China}}
[[Imagem:Qin Dynasty.png|thumb|300px|Fronteiras das comanderias do [[Império Qin]].]]
A '''dinastia Qin''' (em [[Língua chinesa|chinês]], 秦朝),<ref>SCARPARI, M. ''Grandes civilizações do passado: China antiga''. Barcelona. Ediciones Folio. 2006. p. 20.</ref> também conhecida como '''dinastia Chin''',<ref>SCHAFER, E. H. ''China antiga''. Rio de Janeiro. Livraria José Olympio Editora. 1979. p. 184.</ref> foi uma [[dinastia]] que governou a [[China]] entre 221 a.C. e 206 a.C., e que normalmente figura nos livros de História como a primeira dinastia [[burocracia|burocrática]] ou protoburocrática da [[história da China]]. O período abrangido pelo governo da dinastia [[dinastia chin|Qin]] pode, igualmente, corresponder a uma subdivisão da história chinesa. O primeiro rei dessa dinastia, [[Qin Shihuang|Zheng]], é reconhecido pela historiografia por seus grandes feitos, como a unificação violenta da [[China]], e por seu governo cruel, tendo adotado o título de Shi Huangdi ("Primeiro Imperador") após conquistar os estados de Zhao, Wei, Chu, Yan e Qi. Muitos autores defendem que a reunificação da [[China]] sob um governo burocrático nessa ocasião se deveu em certa medida aos constantes ataques das tribos nômades do norte dirigidos para pilhar os bens da civilização chinesa, que aumentaram consideravelmente a partir do século III a. C.
 
36

edições