Diferenças entre edições de "4 Vesta"

42 bytes adicionados ,  15h38min de 27 de julho de 2018
uma Informação sobre a família deste
(Desfeita a edição 52475588 de 179.223.84.245 WP:CITE)
Etiqueta: Desfazer
(uma Informação sobre a família deste)
}}
 
'''Vesta''' ([[Designação de planeta menor|designado formalmente]] '''4 Vesta''') eraé o segundo maior [[asteroide]] do [[Sistema Solar]] e o principal corpo da [[família Vesta]] , com um [[diâmetro]] médio de 530&nbsp;km, até ser promovido a [[protoplaneta]] em maio de 2012.<ref>IG. [http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/2012-05-10/asteroide-vesta-e-promovido-a-quaseplaneta.html Asteroide Vesta é promovido a “quase-planeta”]. Acesso em 11 de maio de 2012</ref> Foi descoberto por [[Heinrich Wilhelm Olbers]] em [[29 de março]] de [[1807]].<ref name="jpldata" /> O nome provém da deusa romana [[Vesta]], a deusa virgem da casa, correspondente à deusa da mitologia grega [[Héstia]]. Está localizado no [[Cintura de asteroides|cinturão de asteroides]], região entre as órbitas de [[Marte (planeta)|Marte]] e [[Júpiter (planeta)|Júpiter]], a 2,36 [[Unidade Astronômica|UA]] do Sol. Vesta é um [[asteroide tipo V]]. Seu tamanho e o brilho pouco comum na superfície fazem de Vesta o mais brilhante asteroide. É o único asteroide que é ocasionalmente visível a olho nu.
 
Teoriza-se que nos primeiros tempos do sistema solar, Vesta era tão quente que o seu interior derreteu. Isto resultou numa diferenciação planetária do asteroide. Provavelmente tem uma estrutura em camadas: um núcleo metálico de [[níquel]]-[[ferro]] coberto por uma camada (manto) de [[olivina]]. A superfície é de rocha [[basalto|basáltica]], originária a partir de antigas erupções vulcânicas. A atividade vulcânica não existe hoje.