Abrir menu principal

Alterações

102 bytes adicionados, 02h14min de 5 de agosto de 2018
sem resumo de edição
{{UnicodeArabe}}
{{Islã}}
'''Alcorão''' ou '''Corão''' ({{lang-ar|القرآن}}, [[transl.]] ''al-Qurʾān'', lit. "a recitação") ou '''Corão''' (forma considerada errada por alguns linguistas e não presente em alguns dicionários de referência){{ref infopedia dic|corão}}<ref name=jpm/><ref name=cb/><ref name=cm/> é o [[livro sagrado]] do [[Islão|Islã]]. Os muçulmanos creem que o Alcorão é a palavra literal de [[Deus]] ([[Alá]]) revelada ao profeta [[Maomé]] (''Muhammad'') ao longo de um período de vinte e três anos. A palavra Alcorão deriva do [[verbo]] árabe que significa declamar ou recitar; ''Alcorão'' é portanto uma "recitação" ou algo que deve ser recitado.
 
É um dos [[livro]]s mais lidos e publicados no mundo. É prática generalizada na maioria das sociedades muçulmanas que o Alcorão não seja vendido, mas sim dado{{carece de fontes|data=Dezembro de 2008}}. Patronos dos [[Estados Unidos]] como [[Thomas Jefferson]] tiveram o livro em seu acervo.<ref>[http://religionandpolitics.org/2014/04/09/thomas-jeffersons-quran/ Thomas Jefferson’s Qur’an]</ref>
 
== Designação em português ==
Há duas variantes para o nome do livro usadas comumente: "CorãoAlcorão" e "AlcorãoCorão". Por vezes se afirma que, como o [[Prefixo gramatical|prefixo]] ''"al-"'' designa o [[artigo definido]] no [[Língua árabe|árabe]], o seu uso seria desnecessário. No entanto, nas muitas [[lista de palavras portuguesas de origem árabe|palavras portuguesas de origem árabe]] com ''"al-"'' na sua origem, como "[[almanaque]]" ou "[[açúcar]]", a partícula não foi suprimida, e ainda menos em nomes próprios como "[[Almada]]" ou "[[Algarve]]". [[José Pedro Machado]] nota que a palavra ''Alcorão'' surge em documentos portugueses do {{séc|XIII}},<ref name=jpm>[[José Pedro Machado|Machado, J. P.]]; ''[[Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa]], verbete "Alcorão"</ref> ao contrário da forma ''Corão'', recentemente importada. O [[Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa|Dicionário Houaiss]], que alude ao argumento da "desnecessidade" de "al-" por corresponder ao artigo árabe, confirma o surgimento de "Alcorão" no {{séc|XIII}} e o seu uso constante nos séculos seguintes. O Houaiss afirma que "Corão" é importação francesa no final do {{séc|XIX}}, desde logo criticada pelos puristas. O próprio termo francês terá surgido apenas no {{séc|XVII}}. O site português [[Ciberdúvidas da Língua Portuguesa]] considera aceitável apenas a forma "Alcorão", invocando [[Rebelo Gonçalves]] e [[Rodrigo de Sá Nogueira]].<ref name=cb>[httphttps://www.ciberduvidas.comiscte-iul.pt/consultorio/perguntas/getalcorao/2790088689 Ciberdúvidas da Língua Portuguesa — Alcorão].</ref> Já o site brasileiro ''Sua Língua'', editado pelo [[Cláudio Moreno|Prof. Cláudio Moreno]], não condena o vocábulo "Corão", mas defende a preferência por "Alcorão".<ref name=cm>[http://wp.clicrbs.com.br/sualingua/2009/05/08/alcorao-ou-corao/ Alcorao ou corao].</ref> A primeira versão escrita do livro foi encontrada no [[Iêmen]] e destruída pela [[Arábia Saudita]] durante um [[Intervenção militar no Iêmen em 2015|ataque ao país]] em 2015.<ref>[http://www.juancole.com/2015/07/actually-qurans-bombing.html Actually, Oldest Qur’ans are in Sanaa, Yemen & in Danger of Saudi Bombing]</ref>
 
== Estrutura do Alcorão ==
Os capítulos são tradicionalmente identificados mais pelos nomes do que pelos números. Estes receberam nomes de palavras distintivas ou de palavras que surgem no inicío do texto, como por exemplo ''A Vaca'', ''A Abelha'', ''O Figo'' ou ''A Aurora''. Contudo, não é habitual que o conteúdo da sura esteja relacionado com o título do capítulo.
 
=== Ordenação Cronológicacronológica ===
A ordenação cronológica dos capítulos do Alcorão interessa não só aos historiadores, dado muitas das revelações estarem ligadas a episódios da vida de Maomé, mas também aos religiosos, dado que as contradições do Alcorão são resolvidas dando a primazia ás suras mais recentes - é a doutrina da revogação (ou ab-rogação) fixada no próprio Livro Sagrado<ref>{{citar web|url=https://quran.com/2/106|titulo=Surah al-Baqarah 2ː106|acessodata=8 de Abril de 2018|publicado=Quran.com|ultimo=|primeiro=}}</ref> Além das dos clérigos muçulmanos, numa época mais recente várias ordenações têm sido propostas por exemplo por [[Theodor Nöldeke]], Richard Bell, [[Mehdi Bazargan]], e [[Régis Blachère]]. Uma tradução do Corão para língua inglesa, feita por J.M. Rodwell, apresenta uma ordem cronológica.<ref>{{citar livro|url=https://books.google.pt/books?id=dt4OAAAAQAAJ&printsec=frontcover&dq=quran+rodwell&hl=en&sa=X&ved=0ahUKEwi-jODS_araAhWIUBQKHVF_DKQQ6AEIKTAA#v=onepage&q&f=false|título=The Koran|ultimo=Rodwell|primeiro=John Medows (tradutor)|editora=|ano=|local=|páginas=|acessodata=}}</ref> A ordenação que se segue é uma das mais habitualmente aceites.<ref>{{citar web|url=http://www.qran.org/q-chrono.htm|titulo=Quran Verses in Chronological Order|acessodata=8 de Abril de 2018|publicado=Qran.org|ultimo=|primeiro=}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.webcitation.org/query?url=http://tanzil.net/wiki/Revelation_Order&date=2011-05-13|titulo=Revelation Order|data=27 de Dezembro de 2010|acessodata=|publicado=Tanzil.net (Arquivado em WebCite)|ultimo=|primeiro=}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.webcitation.org/query?url=http://www.masjidtucson.org/quran/chapters_chronological_sequence.html&date=2011-05-13|titulo=Quran Chapters and their Chronological Sequence of Revelation|data=13 de Maio de 2011|acessodata=|publicado=International Community of Submitters (ICS) - Masjid Tucson (Mesquita de Tucson) (Arquivado em WebCite)|ultimo=|primeiro=}}</ref>
 
| 4 || Mudathir (Al-)- O Emantado || 56 || Meca || 74
|-
| 5 || Fatehah  - A Abertura || 7 || Meca || 1
|-
| 6 || Masad (Al-)- O Esparto || 5 || Meca || 111
| 62 || Shura (Al-) - A Consulta || 53 || Meca || 42
|-
| 63 || Zukhruf (Al-) - Os Ornamentos  || 89 || Meca || 43
|-
| 64 || Dukhan (Al-)- A Fumaça || 59 || Meca || 44
| 91 || Mumtahana (Al-) - A Examinada || 13 || Medina || 60
|-
| 92 || Nisa (Al-) - As Mulheres  || 176 || Medina || 4
|-
| 93 || Zilzaleh (Al-) - O Terramoto || 8 || Medina || 99
 
== Ver também ==
* [[TraduçõesLista dode Corão|Traduçõestraduções do Alcorão]]
* [[Bíblia]]
* [[Torá]]
 
{{Referências}}
 
== Ligações externas ==
{{Correlatos|
|commons commonscat = Category:Qur'an
|wikcionariowikiquote = =Alcorão
|wikisource =
|wikiquote wikcionario = Alcorão
|wikilivros =
|wikinoticias =
|wikcionario = Alcorão
|wikispecies =
}}
* [http://pt.quranacademy.org/quran Quran Word by Word] // QuranAcademy.org
 
[[Categoria:Alcorão| ]]
[[Categoria:Livros sagrados]]
[[Categoria:Livros do século VII]]