Diferenças entre edições de "Faye Dunaway"

1 226 bytes removidos ,  03h55min de 7 de agosto de 2018
→‎Curiosidades: sem fontes
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(→‎Curiosidades: sem fontes)
 
 
Possui uma estrela na [[calçada da fama]] desde 2 de outubro de 1996, localizada na Hollywood Boulevard.
 
== Curiosidades ==
 
* Faye foi casada duas vezes, a primeira com [[Peter Wolf]], cantor do grupo de rock J. Geils Band nos [[década de 1970|anos 70]] e com o fotógrafo inglês Terry O’Neil, com quem teve um filho. Em 2005, seu ex-marido revelou à imprensa que o menino não era filho biológico deles, mas adotado, fato sempre negado por ela.
* Numa gravação de um e-mail de voz, que circulou mundialmene pela Internet, Faye fala iradamente sobre o documentário que estava sendo feito sobre sua vida e nele reclama da inclusão no filme de uma entrevista com seu ex-marido O’Neil, descrito por ela como um grande mentiroso. Também expressa sua raiva por não ter sido mencionado o filme que ela trabalhou com o "maravilhoso" [[Marlon Brando]], que o filme que fez com o premiado diretor iugoslavo [[Emir Kusturica]], em que considerava ter estado brilhante, não tenha sido distribuído dignamente nos Estados Unidos e queria que fosse retirada qualquer menção a Mamãezinha Querida.
* No filme de 2001, Thomas Crown - A Arte do Crime, com Pierce Brosnan, que é uma refilmagem do sucesso dos [[década de 1960|anos 60]] com ela e [[Steve McQueen]], Faye aparece fazendo o papel de psiquiatra de "Thomas Crown".
 
== Principais trabalhos ==