Nihonium: diferenças entre revisões

210 bytes adicionados ,  20h49min de 3 de setembro de 2018
sem resumo de edição
(Desfeita a edição 52465350 de 138.94.48.62 Disparate)
Etiqueta: Desfazer
{{Elemento/Unúntrio}}
O {{PEPB|nipónio|niônionihônio}}<ref>{{Citar web|url=http://porticodalinguaportuguesa.pt/index.php/academia/pareceres-academicos/item/os-novos-elementos-quimicos-113-115-117-e-118|titulo=Os novos elementos químicos 113, 115, 117 e 118|acessodata=2018-04-21|obra=porticodalinguaportuguesa.pt|ultimolingua=Userpt-pt}}</ref><ref>{{Citar web|primeirourl=Superhttp://www.sbq.org.br/livroverde/anexos/LivroVerde_IUPAC_SBQ-SPQ_2018.pdf|titulo=Grandezas, Unidades e Símbolos em Físico-Química|acessodata=2018-09-03|obra=Sociedade Brasileira da Química|lingua=pt-ptbr}}</ref> (''nihonium'', em inglês) é um [[elemento químico]] sintético, de [[símbolo químico]] '''Nh''', [[número atômico]] 113 (113 [[próton]]s e 113 [[elétron]]s), provavelmente de [[massa atómica]] 284 [[unidade de massa atómica|u]].<ref>[http://www.iupac.org/news/news-detail/article/discovery-and-assignment-of-elements-with-atomic-numbers-113-115-117-and-118.html Discovery and Assignment of Elements with Atomic Numbers 113, 115, 117 and 118] publicado pela [[União Internacional de Química Pura e Aplicada]] (2015)</ref> Pertence ao [[grupo da tabela periódica|grupo 13]] da [[tabela periódica]].
 
Descoberto no início de [[2004]] por uma equipe de cientistas [[Rússia|russos]] e [[Estados Unidos|norte-americanos]], é um [[elemento transurânico|transurânico]], provavelmente um [[sólido]] de aspecto prateado. Em 2015, a [[União Internacional de Química Pura e Aplicada|IUPAC]] e a [[União Internacional de Física Pura e Aplicada|IUPAP]] confirmaram descoberta dos elementos niônionihônio, [[moscóvio]], [[tenesso]] e [[oganessônio]].<ref>{{citar web |url=http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2016/01/quatro-novos-elementos-completam-setima-fila-da-tabela-periodica.html |título=Quatro novos elementos completam sétima fila da Tabela Periódica |editor=[[G1]] |data=4 de janeiro de 2015 |acessodata=5 de janeiro de 2015}}</ref> No dia 8 de junho de 2016, a [[União Internacional de Química Pura e Aplicada|IUPAC]] sugeriu que o elemento 113 fosse batizado de ''nihonium''.<ref>{{Citar web|url=http://iupac.org/iupac-is-naming-the-four-new-elements-nihonium-moscovium-tennessine-and-oganesson/|titulo=IUPAC is naming the four new elements nihonium, moscovium, tennessine, and oganesson - IUPAC {{!}} International Union of Pure and Applied Chemistry|data=2016-06-08|acessodata=2016-06-11|obra=IUPAC {{!}} International Union of Pure and Applied Chemistry|lingua=en-US}}</ref><ref>{{citar web|url=http://revistapesquisa.fapesp.br/2016/06/10/escolhidos-os-nomes-dos-novos-elementos-da-tabela-periodica-2/|título=Escolhidos os nomes dos novos elementos da tabela periódica|acessodata=11/07/2016|publicado=Revista Pesquisa FAPESP}}</ref>
 
== História ==
 
==Propriedades Químicas (extrapoladas)==
Ainda não se conhecem [[compostos]] do Nihônionihônio, pois o [[elemento químico|elemento]] foi obtido em quantidades muito pequenas e seu tempo de [[desintegração radioativa]] é curto demais para serem preparados seus compostos. Julgando por sua posição na [[tabela periódica]], especula-se que suas propriedades sejam semelhantes às do [[tálio]], elemento situado logo acima na tabela periódica. Por esse ângulo, supõe-se que o nihônio forme [[íon]]s com [[Número de oxidação|NOX]] +1 e +3, semelhante ao [[Tálio|Tl]] e, pelo [[efeito do par inerte]], seu [[estado de oxidação]] +1 seja ainda mais estável que o do tálio. Especula-se que o Nh trivalente (Nh<sup>+3</sup>) seja um agente [[oxidante]] mais [[enérgico]] que Tl<sup>+3</sup>.
 
O principal estado de oxidação apresentado pelo elemento seria o +1, formando íons Nh<sup>+</sup> que se comportariam de forma semelhante aos cátions de [[metais alcalinos]] tais como o [[potássio]], um comportamento similar ao seu congênere mais leve, o [[tálio]]. Alguns compostos incluiriam o óxido Nh<sub>2</sub>[[oxigênio|O]], o hidróxido Nh[[Base (química)|OH]], uma [[base (química)|base]] forte e solúvel em água; os haletos pouco solúveis em água e sensíveis à luz Nh[[cloro|Cl]], Nh[[bromo|Br]] e Nh[[iodo|I]], além de outros sais como NhNO<sub>3</sub>, Nh<sub>2</sub>SO<sub>4</sub>, Nh<sub>2</sub>S, entre outros. O fluoreto Nh[[flúor|F]] seria estável e solúvel em água.
 
Compostos de niônionihônio com nox +3 (na forma do íon Nh<sup>+3</sup>) também seriam possíveis, mas seriam raros e poderosos agentes oxidantes. Alguns compostos de nihônio trivalentes incluiriam o trifluoreto NhF<sub>3</sub> e o óxido Nh<sub>2</sub>O<sub>3</sub>, ambos pouco estáveis e muito oxidantes.
 
O iodeto NhI<sub>3</sub> não seria um composto de Nh trivalente, e sim seria formado pelos íons Nh<sup>+</sup> e [[tri-iodeto]], I<sub>3</sub><sup>-</sup>, assim como o TlI<sub>3</sub>.
35

edições