Diferenças entre edições de "Tela"

4 bytes removidos ,  05h02min de 15 de setembro de 2018
m
remoção de alguns espaços e correção de uma palavra.
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
m (remoção de alguns espaços e correção de uma palavra.)
== Tela/Ecrã de projeção ==
[[Ficheiro:AWIPS-3-head-workstation.jpg|thumb|350px|direita|Telas de monitor]]
As telas (ou ecrãs) fazem parte de várias tecnologias de uso da imagem (sobretudo em movimento), principalmente as telas de projeção [[Cinema|cinematográfica]] e as telas de [[televisão]]. Até recentemente, a maior parte das telas dos aparelhos [[televisor]]es era abaulada ou curva, mas estas vêm sendo substituídas por telas planas que, supostamente, distorcem menos a imagem. A principal diferença entre a tela de uma sala de exibição de cinema e a de um televisor é que, enquanto a primeira é fosca (não tem luz própria) e recebe a luz do [[Projetor (cinema)|projetor]], a segunda emite luz.
 
== Tela/Ecrã de pintura ==
[[Artista]]s geralmente usam pedaços pequenos (ou por vezes bem grandes) de tela (lona) como base para seus trabalhos de [[arte]]. Essa tela é esticada numa armação de madeira denominada "tensor" e é coberta com [[gesso]], antes de ser usada (embora alguns [[artista]]s modernos, como o pintor [[Francis Bacon (artista)|Francis Bacon]] e [[Helen Frankenthaler]] pintem sobre a tela nua). As telas antigas eram feitas de [[linho]], um tecido rijo, acastanhado, de considerável resistência. No início do [[século XX]], o algodão começou a ser usado. O algodão, que estica mais e possui uma trama mecânica lisa, é menos preferido do que o linho por artistas profissionais. Todavia, a considerável diferença de preço incentiva muitos iniciantes, e mesmo artistas de nível médio, a escolher o algodão em vez do linho.
 
Podem-se comprar pequenas telas preparadas que são coladas a um fundo de papelão e revestidas já na fábrica. Todavia, edssasessas telas só estão disponíveis em alguns tamanhos e não estão livres de acidez, de modo que sua vida útil é extremamente limitada. São geralmente utilizadas para esboços rápidos em estúdio. Telas pré-gessadas em tensores também estão disponíveis. Artistas profissionais geralmente preparam as suas telas da maneira tradicional.
 
Para remover os vincos do material, recomenda-se usar um ferro de passar morno (não quente) e umedecer a tela antes de realizar o procedimento.
Uma das mais evidentes diferenças entre as técnicas atuais de pintura e aquelas dos mestres [[Flandres|flamengos]] e [[Países Baixos|holandeses]] refere-se à preparação da tela. As técnicas atuais tiram vantagem tanto da [[textura]] da tela quanto da própria pintura. Um artista principiante frequentemente descobre ser quase impossível aproximar-se do [[realismo]] da arte clássica, apesar de sua habilidade em aplicar a tinta. Na verdade, os mestres [[Renascimento|renascentistas]] empregavam medidas extremas para assegurar que nada do relevo da tela sobressaísse. Isto requeria um processo esmerado, de meses de duração, de cobrir a tela nua, geralmente com tinta branco de chumbo, polir a superfície e repetir o processo. O produto final tinha pouca semelhança com tecido, lembrando mais um acabamento brilhante de esmalte. Embora isto possa parecer drástico demais para um pintor contemporâneo, é crucial se o objetivo for a obtenção de um realismo [[Fotografia|fotográfico]].
 
Com uma tela apropriadamente preparada, o pintor descobrirá que cada camada subsequente de cor desliza sobre a outra, quase como manteiga, e que com a apropriada consistência da aplicação (técnica do "gordo sobre magro"), uma pintura inteiramente desprovida de marcas de pinceladas pode ser rapidamente atingida.
 
=== Material ===