Diferenças entre edições de "Jogos Paralímpicos de Inverno"

83 bytes adicionados ,  12h54min de 28 de setembro de 2018
m
Pequenos ajustes. / Correção em referências.
m (Pequenos ajustes. / Correção em referências.)
Devido a falta de interesse e também por problemas logísticos, já presentes durante os [[Jogos Olímpicos de Inverno de 1992]], dois esportes de gelo foram cancelados. Por esta razão, foram realizadas apenas as competições de esqui alpino e nórdico (cross-country e biatlo). Dentre os eventos de demonstração foram realizadas provas do esqui alpino e do cross-country para deficientes intelectuais, e as provas de biatlo para cegos.
 
Em uma edição esvaziada, os [[Estados Unidos]] terminaram na liderança do quadro de medalhas pela primeira vez nos Jogos Paralímpicos de Inverno, somando 21 medalhas de ouro (sendo 18 destas no esqui alpino). A Alemanha, competindo pela primeira vez como nação unificada, terminou em segundo. O [[Time Unificado]], representando as repúblicas da antiga [[União Soviética]] (dissolvida no final de 1991) ficou em terceiro. As delegações de Áustria e [[Finlândia]] completaram o grupo dos cinco principais medalhistas destes Jogos.<ref name="albertville+1992">{{citar web|url=https://www.paralympic.org/tignes-albertville-1992|título=Paralympic Games {{!}} Tignes-Albertville 1992|data=|acessodata=16 de dezembro de 2017|publicado=International Paralympic Committee|ultimo=|primeiro=}}</ref>
Tignes-Albertville 1992|publicado= International Paralympic Committee|url=tignes-albertville-1992|acessodata=2017-12-16}}</ref>
 
=== Lillehammer 1994 ===
Esta edição dos Jogos mostrou o crescente interesse global do público e da mídia no evento. Ao todo, 151.376 ingressos foram vendidos durante a sua realização, incluindo 15.634 para as cerimônias de abertura e encerramento .Um total de 1.468 representantes dos meios de comunicação (imprensa e organismos de radiodifusão do mundo inteiro) cobriram os Jogos. O site oficial deste evento registrou 7 milhões e 700 mil acessos durante o seu decorrer dos Jogos, sendo 1 milhão destes acessos nos dois primeiros dias. Do ponto de vista desportivo, pessoas com deficiência mental foram autorizadas a participar no esqui cross-country pela primeira vez.
 
A Noruega terminou os Jogos em primeiro lugar, com a marca de 18 medalhas de ouro (na somatória geral o país ficou em terceiro, com 40 pódios). A Alemanha ficou em segundo lugar com 14 medalhas de ouro (44 no total). Na sequência apareceram os Estados Unidos, com 13 de ouro. O Japão, que até então não havia conquistado nenhuma medalha de ouro na história destes Jogos, terminaram na quarta colocação com doze destas conquistas (sendo 41 medalhas no total, na soma com as 16 pratas e 13 bronzes). A delegação da Rússia completou o top 5 também com 12 ouros, mas 10 pratas e 9 bronzes.<ref name="Nagano-OldPage">{{citar web|título= Nagano 1998 |publicado=[[International Paralympic Committee]] |url=httphttps://www.paralympic.org/Paralympic_Games/Past_Games/Nagano_1998/index.htmlnagano-1998|título=Paralympic Games {{!}} Nagano 1998|data=4 de outubro de 2009|acessodata=|publicado=International Paralympic Committee|ultimo=|primeiro=|arquivourl= https://web.archive.org/web/20091004185620/http://www.paralympic.org/Paralympic_Games/Past_Games/Nagano_1998/index.html |arquivodata=4 de outubro de 2009 }}</ref> A campanha da Espanha merece destaque, após ter finalizado estes Jogos de Nagano em sétimo com oito medalhas, todas elas de ouro.
 
=== Salt Lake City 2002 ===
Os Jogos Paralímpicos retornavam ao [[Canadá]], que já havia sediado os [[Jogos Paralímpicos de Verão de 1976]], em [[Toronto]]. Esta foi a primeira edição de inverno em que o acordo de "uma cidade,dois eventos" prevaleceu. O Comitê Organizador desta edição cumpriu a sua promessa de tratar o evento da mesma forma que os Jogos Olímpicos, além de transformar os locais de competições em teatros para o público e aos atletas. Do ponto de vista organizacional e do interesse do público, esta edição foi considerada a melhor da história. Os locais para a realização dos eventos desta edição dos Jogos se espalharam por uma área de 120 quilômetros, do centro de [[Vancouver]] até o resort de [[Whistler]] ao norte da cidade. Enquanto que os desportos de gelo e a Cerimônia de Abertura foram realizados na cidade-sede, os eventos de neve e a Cerimônia de Encerramento foram celebrados em Whistler. Tal como ocorreu quatro anos antes em Turim, houve a operação de duas Vilas Paralímpicas e de mídia.<ref>{{citar web|título= Vancouver 2010 |publicado= International Olympic Committee | url =https://www.olympic.org/vancouver-2010|acessodata=2018-05-01}}</ref>
 
Um total de 506 atletas de 39 [[Comitês Paralímpicos Nacionais]] enviaram atletas. Quatro destes participaram pela primeira vez, sendo eles as delegações de [[Argentina]], [[Bósnia e Herzegovina]], [[Romênia]] e [[Sérvia]], que se fez presente pela primeira vez como uma república independente.<ref>[http://www.paralympic.org/Sport/Results/search.html?npc=ARG&gender=all&medal=all&sport=all&games=all Argentina at the Paralympics], [[International Paralympic Committee]]</ref><ref>{{citar web|url=http://sport.hotnews.ro/stiri-alte_sporturi-7027244-vancouver-2010-inceput-jocurile-paralimpice-romania-reprezentata-singura-sportiva-laura-valeanu.htm |título=Romania at the Paralimpic Winter Games (Romanian) |publicado=Sport.hotnews.ro |data= |acessodata=2014-02-07}}</ref>
 
Acompanhando o sucesso surpreendente registrado com os ingressos nos [[Jogos Olímpicos de Inverno de 2010]], foram vendidos mais de 230 mil ingressos para os Jogos Paralímpicos de Inverno, forçando todos os locais de competição a operarem em suas capacidades máximas. Esta marca era, até então, o recorde na vendagem de ingressos para uma edição dos Jogos de Inverno. Cerca de 1.200 representantes de mídia cobriram estes Jogos (aumento de 12% com relação a Turim em 2006). O Japão teve o maior público acumulado (com quase 538 milhões de telespectadores), seguido pela Alemanha (que registrou quase 400 milhões de telespectadores acumulados durante os 11 dias de competição).Dentre os esportes, o esqui alpino foi o mais popular, obtendo uma audiência acumulada de quase 700 milhões de telespectadores. O canal de televisão on-line do IPC, o ''Paralympic Sport.TV'', registrou mais de 437 mil acessos durante os Jogos.<ref name="Vancouver2010">{{citar jornal|título=Vancouver 2010|url=https://www.paralympic.org/vancouver-2010|website=Paralympic.org|acessodata=5 de janeiro de 2018}}</ref>