Diferenças entre edições de "Marília Arraes"

27 bytes adicionados ,  09h52min de 3 de outubro de 2018
Arrumando hiperligação
(Arrumando hiperligação)
Após tomar posse para o terceiro mandato, assumiu a liderança da bancada de oposição na Câmara Municipal do Recife.
 
Foi pré-candidata ao governo de Pernambuco nas eleições de 2018, aprovada em convenção<ref>{{Citar periódico|titulo=PT estadual vota a favor da candidatura de Marília Arraes ao governo|jornal=Diário de Pernambuco|url=http://blogdomarioflavio.com.br/vs1/petistas-de-pernambuco-ignoram-decisao-de-lula-e-mantem-candidatura-de-marilia-arraes/}}</ref>, porém sua candidatura acabou rifada pelo PT que decidiu apoiar a reeleição de [[Paulo Câmara]] (PSB), numa ofensiva pelo fortalecimento da candidatura de [[Luiz Inácio Lula da Silva|Lula]] e pela neutralidade dos socialistas nas eleições presidenciais que tendiam a apoiar [[Ciro Gomes]], que resultou no apoio petista a candidatura do PSB em Amazonas, Amapá, Paraíba e Pernambuco.<ref>{{Citar periódico|titulo=PT sacrifica Marilia Arraes, se fortalece em MG e tira PSB de Ciro|jornal=Valor|url=https://www.valor.com.br/politica/5705567/pt-sacrifica-marilia-arraes-se-fortalece-em-mg-e-tira-psb-de-ciro}}</ref> <ref>{{Citar periódico|titulo=Resolução do PT sobre tática eleitoral|jornal=Site oficial do PT|url=http://www.pt.org.br/resolucao-do-pt-sobre-tatica-eleitoral/}}</ref> A decisão foi contestada pela militância.<ref>{{Citar periódico|titulo=Humberto Costa é hostilizado em reunião do PT|jornal=Diário de Pernambuco|url=http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/politica/2018/08/02/interna_politica,758968/marilia-se-nega-a-desistir-do-pareo.shtml}}</ref>
 
== {{Ligações externas}} ==
Utilizador anónimo