Diferenças entre edições de "Helena Rizzo"

768 bytes adicionados ,  19h59min de 9 de outubro de 2018
Inclui notícia de domínio público.
(Qual revista?)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(Inclui notícia de domínio público.)
Em 2014 o restaurante Maní foi eleito o 36º melhor restaurante do mundo<ref>[http://www.theworlds50best.com/list/1-50-winners#t1-50 Maní, de Helena Rizzo, é o 36º melhor restaurante do mundo em 2014]</ref>, atrás apenas do D.O.M. de [[Alex Atala]] na [[América do Sul]].
 
Em 2017, Helena aceitou o convite para participar da bancada do reality The Taste Brasil, exibido pelo canal [[GNT]], junto com Felipe Bronze, André Mifano e [[Claude Troisgros]].<ref>{{citar web|url=http://cultura.estadao.com.br/blogs/direto-da-fonte/cozinha-e-um-fazer-ligado-a-muitas-aprendizagens-diz-helena-rizzp/|titulo="Cozinha é um fazer ligado a muitas aprendizagens", diz Helena Rizzo|data=10/04/17|acessodata=13/04/17|publicado=Estadão|ultimo=|primeiro=}}</ref>
 
Em outubro de 2018 posicionou-se a favor do movimento #ELENAO, tendo postado foto ao lado de sua equipe com gesto obsceno contra o presidenciável Jair Bolsonaro, num flagrante desrespeito à própria clientela de seu Restaurante Mani, composta em sua maioria pela elite paulistana. A atitude dela incomodou muitos de seus seguidores e clientes, que a atacaram no post. Houve, porém, mensagens de apoio à cozinheira, vindo inclusive de colegas de profissão de visibilidade, como Bel Coelho, do Clandestino, e Janaína Rueda, do Bar da Dona Onça. O apoio das duas outras chefs gerou repercussão a elas também, com mensagens de ódio em seus perfis do Instagram. A repercussão foi tão grande que Rizzo fez um post de esclarecimento, mas sem desistir da causa.
 
{{referências}}
Utilizador anónimo