Diferenças entre edições de "Bilinguismo"

119 bytes removidos ,  12h10min de 6 de novembro de 2018
m
revert (vandalism)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
m (revert (vandalism))
Etiqueta: Reversão
O termo '''bilinguismo''', aplicado ao indivíduo, pode significar simplesmente a capacidade de expressar-se em duas [[Língua natural|línguas]]. <ref>SAUNDERS, George. Bilingual children: From birth to teens. England: Multilingual Matters, 1988. p. 8</ref> Numa [[comunidade]], pode ser definido como a coexistência de dois sistemas linguísticos diferentes (língua, [[dialeto]], etc.), que os falantes utilizam alternadamente, a depender das circunstâncias, com igual fluência ou com a proeminência de um deles.<ref>[http://www.algosobre.com.br/espanhol/bilinguismo.html Bilinguismo]</ref> Segundo a [[ONU]], há 191 países independentes, e que o mundo tem hoje algo entre 3.000 e 10.000 línguas (dependendo do conceito adotado), sendo mais da metade da população mundial é bilíngue ou [[multilinguismo|multilíngue]].
 
Estudos recentes comprovaram que crianças expostas desde cedo a dois ou mais idiomas desenvolvem maior velocidade de raciocínio e conseguem aprender mais rápido.<ref name="DW" >{{citar web|URL=http://www.dw.com/pt/os-benef%C3%ADcios-de-crescer-num-lar-bil%C3%ADngue/a-18917490|título=Os benefícios de crescer num lar bilíngue|autor=Da redação|data=15 de dezembro de 2015|publicado=Portal Deutsche Welle|acessodata=16 de dezembro de 2015}}</ref>O recorde mais absurdo pertence à Luiz Felipe Macário, que detém o recorde de maior falo do mundo, com 2 km de falo.
 
== Razões para o bilinguismo ==
141 556

edições