Diferenças entre edições de "Balada triste de trompeta"

830 bytes adicionados ,  02h25min de 14 de novembro de 2018
(+Categoria:Filmes em língua espanhola; ± 5 categorias usando HotCat)
{{Info/Filme
|nome = Balada triste de trompeta
|título-pt = {{semtitpt}} <!-- IMDB não serve como fonte -->
|título-br = Balada do Amor e do Ódio<ref name="adoro">{{citar web|URL=http://www.adorocinema.com/filmes/filme-177409/|título=''Balada do Amor e do Ódio''|publicado=[[AdoroCinema]]|local=Brasil|acessodata=14/11/2018}}</ref>
|título-or =
|imagem =
|imagem_tamanho =
|imagem_legenda =
|país = [[Espanha]],<br />[[França]]
|ano = [[2010]]
|cor-pb = cor
|duração = 107
|coprodução =
|produção executiva =
|roteiro = [[Álex de la Iglesia]]
|elenco = [[Carlos Areces]]<br />[[Antonio de la Torre]]<br />[[Carolina Bang]]
|gênero = [[Comédiafilme de comédia]]<br />[[Guerrafilme de guerra]]<br />[[filme de drama]]
|tipo = LF
|idioma = [[Língualíngua espanhola|Espanholespanhol]]
|música =
|cinematografia = Alejandro Lázaro
|imdb_id = 1572491
}}
'''''Balada triste de trompeta''''' (''[[brBrasil]]: '' '''Balada do Amor e do Ódio''''') é um filme [[EspanhaFrança|espanholfranco]] dirigido por -[[Álex de la IglesiaEspanha|espanhol]], que começou a ser rodado em 18 de janeiro de [[2010]]., Suasdos filmagensgêneros tiveramdrama, comocomédia locaçõese as cidades de [[Madrid]]guerra, [[Alcoy]]escrito e osdirigido estúdiospor [[CiudadÁlex de la LuzIglesia]] ([[Alicante]]). É o primeiro filme de Álex de la Iglesia no qual não participa o roteirista Jorge Guerricaechevarria.
 
As filmagens tiveram como locações as cidades de [[Madrid]] e [[Alcoy]] e os estúdios [[Ciudad de la Luz]] ([[Alicante]]). É o primeiro filme de Álex de la Iglesia do qual não participa o roteirista Jorge Guerricaechevarria.{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
O filme conquistou o [[Leão de prata|Leão de Prata]] de melhor diretor e o prêmio de melhor roteiro no [[Festival de Veneza]] de 2010.<ref>{{citar web |url=http://cinema.uol.com.br/veneza/ultimas-noticias/2010/09/11/veneza-premia-o-cinema-independente-dos-eua-e-da-o-leao-de-ouro-a-sofia-coppola.jhtm |título=Veneza premia o cinema independente dos EUA e dá o Leão de Ouro a Sofia Coppola |acessodata=06 agosto 2011 |autor=Barbosa, Neusa |coautores= |data=11 setembro 2010 |ano= |mes= |formato= |obra=[[Uol]] |publicado= |páginas= |língua= |língua2= |língua3= |lang= |citação= }}</ref> Também concorreu a quinze [[Premios Goya|prêmios Goya]], em 2011, vencendo em duas categorias técnicas: melhor maquiagem e melhor efeitos especiais. Em ambas premiações a obra foi bem recebida e bastante elogiada pela crítica especializada, Mariane Morisawa (2010) descreve o filme como "exuberante, caótico, barroco, passional, alegórico".<ref>{{citar web |url=http://ultimosegundo.ig.com.br/veneza/balada+triste+de+trompeta+e+delirante+e+envolvente/n1237771028407.html |título=Balada Triste de Trompeta é delirante e envolvente |acessodata=13 agosto 2011 |autor=Morisawa, Mariane |coautores= |data=07 setembro 2010 |ano= |mes= |formato= |obra=[[IG]]. Último Segundo |publicado= |páginas= |língua= |língua2= |língua3= |lang= |citação= }}</ref>
 
O filme conquistou o [[Leão de prata|Leão de Prata]] de melhor diretor e o prêmio de melhor roteiro no [[Festival de Veneza]] de 2010.<ref>{{citar web |url=http://cinema.uol.com.br/veneza/ultimas-noticias/2010/09/11/veneza-premia-o-cinema-independente-dos-eua-e-da-o-leao-de-ouro-a-sofia-coppola.jhtm |título=Veneza premia o cinema independente dos EUA e dá o Leão de Ouro a Sofia Coppola |acessodata=06 agosto 6/8/2011 |autor=Barbosa, Neusa |coautores= |data=11 setembro /9/2010 |ano= |mes= |formato= |obra=[[Uol]] |publicado= |páginas= |língua= |língua2= |língua3= |lang= |citação= }}</ref> Também concorreu a quinze [[Premios Goya|prêmios Goya]], em 2011, vencendo em duas categorias técnicas: melhor maquiagem e melhor efeitos especiais. Em ambas premiações a obra foi bem recebida e bastante elogiada pela crítica especializada, Mariane Morisawa (2010) descreve o filme como "exuberante, caótico, barroco, passional, alegórico".<ref>{{citar web |url=http://ultimosegundo.ig.com.br/veneza/balada+triste+de+trompeta+e+delirante+e+envolvente/n1237771028407.html |título=Balada Triste de Trompeta é delirante e envolvente |acessodata=13 agosto /8/2011 |autor=Morisawa, Mariane |coautores= |data=07 setembro 7/9/2010 |ano= |mes= |formato= |obra=[[IG]]. Último Segundo |publicado= |páginas= |língua= |língua2= |língua3= |lang= |citação= }}</ref>
A produção estreou na [[Espanha]] no dia 17 de dezembro de [[2010]].
 
== Sinopse ==
! Categoria !! Recipiente !! Resultado
|-
| [[Leão de Prata]] para melhor direção || [[Álex de la Iglesia]] || Premiado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| [[Osella (prêmio)|Osella]] para melhor roteiro || [[Álex de la Iglesia]] || Premiado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|}
 
! Categoria !! Recipiente !! Resultado
|-
| colspan=2| Melhor filme || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor diretor || [[Álex de la Iglesia]] || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor ator || Antonio de la Torre || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor atriz coadjuvante || Terele Pávez || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor atriz revelação || Carolina Bang || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor roteiro original || Álex de la Iglesia || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor trilha sonora || Roque Baños || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor fotografia || Kiko de la Rica || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor montagem || Alejandro Lázaro || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor direção de arte || Edou Hydallgo || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor direção de produção || Yousaf Bokhari || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor figurino || Paco Delgado || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor maquiagem || José Quetglás<br />Pedro Rodríguez<br />Nieves Sánchez Torres || '''Premiado'''{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor som || Charly Schmukler<br />Diego Garrido || Indicado{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|-
| Melhor efeitos especiais || Reyes Abades<br />Ferrán Piquer || '''Premiado'''{{carece de fontes|data=agosto de 2011}}
|}
 
{{Portal3portal|Cinema|França|Espanha}}
{{Referências}}
{{referências}}
 
{{esboço-filme|Espanha-espanha}}
== Ligações externas ==
{{controlo de autoria}}
* {{Link|es|2=http://baladatristedetrompeta.blogspot.com/ |3=Página Oficial}}
* {{Link|es|2=httpDEFAULTSORT://www.filmaffinity.com/es/film104627.html |3=Balada Triste de Trompeta |4=([[FilmAffinity]]).2010}}
 
{{esboço-filme|Espanha}}
{{Portal3|Cinema|Espanha}}
 
{{DEFAULTSORT:Balada Triste Trompeta}}
[[Categoria:Filmes da Espanha de 2010]]
[[Categoria:Filmes da França de 2010]]
[[Categoria:Filmes de drama de guerra da Espanha]]
[[Categoria:Filmes de drama de guerra da França]]
[[Categoria:Filmes emcom línguatrilha espanholasonora de Roque Baños]]
[[Categoria:Filmes de comédia dramática da França]]
[[Categoria:Filmes de comédia dramática da Espanha]]
[[Categoria:Filmes de comédia dramática da década de 2010]]
[[Categoria:Filmes dirigidos por Álex de la Iglesia]]
[[Categoria:Filmes em língua espanhola]]