Diferenças entre edições de "Patrício"

11 bytes removidos ,  13h10min de 17 de novembro de 2018
m
Desfeita(s) uma ou mais edições de 191.254.63.241 (WP:CITE), com Reversão e avisos
(adicionei um pais)
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 191.254.63.241 (WP:CITE), com Reversão e avisos)
[[Imagem:Daniele IV Dolfin (Tiepolo).jpg|thumb|Daniele Dolfin, patrício de [[Veneza]], onde foi formado um dos mais poderosos patriciados europeus.]]
 
A partir da [[Idade Média]], em grande parte da [[Europa Ocidental]], mas especialmente na [[Península Itálica|Itália]], [[Germânia]] e [[Frância|França]] e Espanha , passou a ser um título usado para denominar a nobreza urbana que governava uma [[comuna]], cidade ou uma república aristocrática, contrapondo-se à autoridade dos nobres da tradição [[senhor feudal|feudal]].<ref name="Patrizio"/><ref>[http://www.treccani.it/enciclopedia/patriziato_(Dizionario-di-Storia)/ "Patriziato"]. ''Dizionario di Storia'', 2011</ref> Na Germânia e nos [[Países Baixos]] os patrícios foram conhecidos em muitos locais pelo título de [[burguesia|burgueses]], termo que neste caso difere da definição [[marxista]].<ref>Clarke, M. V. ''The Medieval City State: An Essay on Tyranny and Federation in the Later Middle Ages''. Routledge, 2015, s/pp. </ref><ref>Kamen, Henry. ''Early Modern European Society''. Routledge, 2005, pp. 93-109</ref>
 
As origens do patriciado pós-antigo são muito heterogêneas e variaram de acordo com a região. Em alguns locais emergiu de famílias de vassalos, da pequena nobreza feudal e de oficiais do [[Sacro Império]] radicados nas cidades,<ref>Hibbert, A. B. "The Origins of the Medieval Town Patriciate". In: ''Past and Present'', 1953; 3:15-27</ref><ref>Hall, Peter. ''Cities in Civilization''. Phoenix, 1999, p. 91</ref> mas em geral foi o resultado do progressivo empoderamento da burguesia urbana, estruturada sobre uma sólida legislação que lhe atribuía, assim como ocorreu na Roma Antiga, uma série de privilégios hereditários e a capacidade de acesso ao governo cívico, características que em essência definem um patriciado.<ref name="Teuscher"/><ref name="Hettling">Hettling, Manfred. "Bürger, Bürgertum, Bürgerlichkeit (english version)". In: ''Docupedia-Zeitgeschichte'', 08/06/2016</ref>