Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 21h28min de 26 de novembro de 2018
m
{{AP|Spermatophyta}}
[[File:Autumn Conker - geograph.org.uk - 370125.jpg|thumb|253px|Uma semente de [[castanheiro-da-índia]] (''[[Aesculus hippocastanum]]'').]]
As [[plantas com semente]], que apareceram pela primeira vez no [[registo fóssil]] perto do fim da era [[Paleozóica]], reproduzem-se com recurso a cápsulas resistentes à [[dessecação]] a que se dá a designação de [[semente]]s. Constituem o grupo mais numeroso e biodiverso do reino Plantae, dominando em todos os habitats terrestres.
 
A partir de uma planta ancestral que se reproduzia pela dispersão de esporos são necessárias mudanças evolutivas muito complexas para se atingir uma planta capaz de produzir sementes. Nestas plantas, o esporófito tem dois tipos de órgãos formadores de esporos ([[esporângio]]s): (1) um tipo, o [[megasporângio]], produz apenas um único esporo de grandes dimensões (o megasporo), que dá origem ao [[Óvulo (botânica)|óvulo]]; e (2) um outro tipo, o microsporângio, que produz minúsculos esporos (os microsporos) que dão origem ao [[pólen]].