Abrir menu principal

Alterações

12 bytes adicionados ,  02h23min de 29 de novembro de 2018
 
== Pós-Simon (1956–1957) ==
[[Ficheiro:True Love Problems and Advice Illustrated 38.jpg|thumb|left|150px|True Love Problems and Advice Illustrated #38, Harvey Comics, março de 1956.]]
[[Ficheiro:Race for the Moon 02 page 22.jpg|thumb|150px|História de ficção científica publicada em Race for the Moon #2, Harvey Comics, setembro de 1958]]
A pedido de um vendedor da Crestwood, Kirby e Simon lançaram sua própria editora de quadrinhos, a ''Mainline Publications'',<ref name="ro54"/><ref>
Beerbohm, Robert Lee (August 1999). [https://www.webcitation.org/5xqyxKYg4?url=http://www.twomorrows.com/kirby/articles/25mainline.html "The Mainline Story"]. The Jack Kirby Collector. Raleigh, North Carolina: TwoMorrows Publishing (25).</ref> garantindo um acordo de distribuição com a'' Leader News''<ref>Theakston, Greg (1997). The Complete Jack Kirby. Pure Imagination Publishing, Inc. p. 29. ISBN 1-56685-006-1.</ref> no final de 1953 ou início de 1954, sublocando o espaço da Harvey Publications, do amigo Al Harvey, na Broadway.<ref>Simon, Joe; with Simon, Jim (1990). The Comic Book Makers. Crestwood/II Publications. p. 151. ISBN 978-1-887591-35-5. Reissued (Vanguard Productions, 2003) ISBN 978-1-887591-35-5. Page numbers refer to 1990 edition.</ref> Mainline, que existiu de 1954 a 1955, publicou quatro títulos: o faroeste ''Bullseye: Western Scout''; os quadrinhos de guerra ''Foxhole'', porque a [[EC Comics]] e a Atlas Comics estavam tendo sucesso com os quadrinhos de guerra, mas promovendo os deles como sendo escritos e desenhados por veteranos de verdade; ''In Love'', porque seu romance em quadrinhos ''Young Love'' ainda estava sendo amplamente imitado; e a revista policial ''Police Trap'', que afirmava basear-se em relatos genuínos de agentes da lei. Depois que a dupla rearranjou e republicou páginas de uma antiga história da Crestwood em In Love, Crestwood se recusou a pagar a equipe,<ref>Ro, p. 55</ref> que procurou uma auditoria das finanças de Crestwood. Após a revisão, o advogado da dupla declarou que a empresa lhes devia 130.000 dólares pelo trabalho realizado nos últimos sete anos. Crestwood pagou US $ 10.000, além de seus pagamentos atrasados ​​recentes. A parceria entre Kirby e Simon ficou tensa.<ref>Ro, p. 56</ref> Simon deixou a indústria para uma carreira em [[publicidade]], enquanto Kirby continuou a ser freelancer. "Ele queria fazer outras coisas e eu fiquei com os quadrinhos", recordou Kirby em 1971. "Tudo bem. Não havia razão para continuar a parceria e nos desfazermos a amizade."<ref>"'I Created an Army of Characters, and Now My Connection with Them Is Lost". Evanston, Illinois: interview, The Great Electric Bird radio show, WNUR-FM, Northwestern University. 14 de maio de 1971. transcrito em The Nostalgia Journal (27) agosto de 1976. Reprinted in George, p. 16</ref>
111 491

edições