Diferenças entre edições de "O Mestre e Margarida"

280 bytes adicionados ,  12h15min de 30 de novembro de 2018
==Edições em português==
 
cincoseis traduções brasileiras até o momento (20132018): duas a partir do inglês e três diretas do russo.
* AAs primeiraprimeiras traduçãotraduções foiforam publicadapublicadas em 1969, uma pela editora Novo Tempo, sob o título ''O Diabo Chega a Moscou Travestido em Professor Alemão de Magia Negra''. Essa tradução foi reeditada, pela mesma editora, em 1980, e outra (''O Mestre e Margarida'') pela editora Nosso Tempo, sediada no então estado da Guanabara, traduzido pelo escritor português [[Ruy Belo]], baseada no texto integral da obra, recém publicado na [[União Soviética|URSS]].
* A segundaterceira tradução, publicada pela Nova Fronteira em 1975, traz um texto menor, aparentemente resumido e traduzido do inglês, com frases e parágrafos faltando. Ela foi reeditada em 1985, pela Editora Abril.
* A terceiraquarta tradução, de 1992, foi publicada pela Ars Poética (''O Mestre e Margarida''), com tradução direta do russo por Konstantin G. Asryantz, posfácio de Borís Sokolov e revisão de Svetlana Kardash. Ela é baseada na versão de 1990, da revista Khudojestvyennaya Lityeratura.
* A quartaquinta edição, publicada pela [[Alfaguara]] em 2010 (''O Mestre e Margarida''), foi traduzido Zoia Prestes.
* A quintasexta e mais recente edição foi publicada pela Editora 34, como parte de sua coleção Leste com obras do Leste Europeu. A tradução e o posfácio são de IroneuIrineu Franco Perpétuo.
 
Em Portugal, o livro foi também traduzido a partir do russo, por António Pescada, e está editado pela Relógio d'Água sob o título "''Margarida e o Mestre"''. Ela também foi publicada dentro da Colecção Mil Folhas, em 2002.
 
== Adaptações==
88

edições