Abrir menu principal

Alterações

17 bytes adicionados, 13h37min de 1 de dezembro de 2018
Em 1987, um ano após ser lançada, a campanha ''Criança Esperança'' voltou à programação da Globo. Entre os dias 4 e 12 de outubro, foram apresentadas, nos principais telejornais, reportagens sobre a situação do menor no Brasil. Durante a semana, chamadas nos intervalos comerciais, gravadas pelo elenco da emissora, e programas como ''Xou da Xuxa'' e ''Os Trapalhões'' relembraram os direitos das crianças e mobilizaram o público para fazer doações. Ainda naquele período, foram ao ar pequenos filmes sobre a importância do aleitamento materno, a vacinação e a prevenção e tratamento da desidratação – a principal causa de mortalidade infantil no país. A campanha teve coordenação de Luiz Lobo.<ref>http://memoriaglobo.globo.com/programas/entretenimento/musicais-e-shows/crianca-esperanca/crianca-esperanca-1987.htm</ref>
 
Em 1988, a campanha ''Criança Esperança'' ganhou uma programação especial na Globo, com supervisão e direção-geral de Walter Lacet, e cerca de dez horas de duração. Durante a manhã, nos intervalos do programa ''Xou da Xuxa'', [[Claudia Raia]], [[César Filho]], [[Lauro Corona]], [[Carla Camuratti]], [[Miguel Falabella]], [[Cássia Kis Magro|Cassia Kis Magro]], [[Tony Ramos]] e [[Isabela Garcia]] se revezaram no palco do Teatro Fênix, no Rio de Janeiro, para divulgar o balanço das doações e incentivar a participação do público. À tarde, após o ''Jornal Hoje'', o programa passou a ser transmitido ao vivo, com a participação de convidados especiais como o então Juiz de Menores do Rio Liborni Siqueira, os atletas [[Aurélio Miguel]] (judô), [[Zico]] (futebol), Izabel (vôlei) e Paulão (basquete) e os atores [[Jonas Torres]], [[Ida Gomes]], [[João Kleber]] e [[Guilherme Fontes]]. Um dos destaques foi o "Circo dos Artistas", no qual artistas se revezaram em números de mágica, malabarismo e outras atrações circenses. Os ensaios e as gravações do quadro foram comandados pelo diretor Régis Cardoso e pelo palhaço Treme Treme e contou com a participação de [[Tássia Camargo]], [[Stênio Garcia]], [[Lúcia Alves]], [[Alcione Mazzeo]], Olney Cazarré, [[Chico Anysio]], Regina Chaves, [[Nizo Neto]], [[Françoise Forton]], Adriano Reys, [[Tony Ramos]], [[Carla Camurati|Carla Camuratti]], [[Thales Pan Chacon]], Natália do Vale, [[Stepan Nercessian]] e Denise Milfond. [[Kadu Moliterno]] e [[André De Biase|André de Biase]], que na época viviam os personagens Juba e Lula no seriado ''[[Armação Ilimitada]]'', apresentaram uma edição especial do ''[[Globo de Ouro (programa de televisão)|Globo de Ouro]]'' que contou com a participação de [[Barão Vermelho]], [[Titãs (banda)|Titãs]], [[Paralamas do Sucesso]], [[Rosanah Fienngo|Rosanah]], [[Luiz Caldas]], entre outros''. ''Também foram ao ar naquele dia quadros dos programas '''TV Pirata''', '''Chico Anysio Show''' e '''Video Show'''. '''. O encerramento ficou por conta dos Trapalhões''. ''Ainda foi exibido um documentário mostrando um dia na vida de um menor carente''. ''A declaração universal dos direitos dasda criançascriança foi lida pelos atores e convidados ao longo do programa, que contou também com a participação dos bonecos do grupo Cem Modos''.<ref>http://memoriaglobo.globo.com/programas/entretenimento/musicais-e-shows/crianca-esperanca/crianca-esperanca-1988.htm</ref>
 
Em 1989, para marcar o quarto ano do Criança Esperança, a Globo levou ao ar, durante uma semana, uma programação especial. A abertura da campanha foi no ''[[Fantástico]]'' de 8 de outubro, com uma reportagem de [[Glória Maria]] em um projeto que atendia 600 crianças no interior de Minas Gerais. O ''[[Domingão do Faustão]]'' e ''[[Os Trapalhões]]'' daquele domingo divulgaram como as doações poderiam ser feitas. De 09 a 14 de outubro, o ''Xou da Xuxa'' apresentou pequenos documentários sobre ações básicas de saúde – amamentação, vacinação, diarréia e reidratação, crescimento infantil, tosses e resfriados e dentes –, produzidos com a assessoria da Associação Brasileira de Pediatria. Os telejornais e programas jornalísticos apresentaram reportagens sobre projetos que atendiam crianças e adolescentes. A coordenação geral da campanha era de Luiz Lobo.<ref>http://memoriaglobo.globo.com/programas/entretenimento/musicais-e-shows/crianca-esperanca/crianca-esperanca-1989.htm</ref>